Editorial: assassinato de jornalista é atentado à liberdade de imprensa Foto: Reprodução / Jornal O Maricá

Editorial: assassinato de jornalista é atentado à liberdade de imprensa

Geral Domingo, 26 Maio 2019 03:53 tamanho da fonte diminuir o tamanho da fonte aumentar o tamanho da fonte

A equipe do ErreJota Notícias recebe, com imensa consternação e preocupação, a notícia de que o jornalista Robson Giorno, do Jornal O Maricá, foi brutalmente assassinado à tiros na porta de casa, no Boqueirão, em Maricá. O fato, sem dúvidas, representa uma triste realidade que, em pleno 2019, continua a acontecer: trata-se dos atentados à liberdade de imprensa.

Independente do posicionamento político e da linha editorial que qualquer veículo e seus profissionais seguem, a liberdade e o respeito à mídia devem ser respeitados. A liberdade de imprensa é um dos pilares para a manutenção de um Estado livre e Democrático de Direito.

O assassinato de Robson Giorno, marcado pela brutalidade, mancha de sangue a história da mídia maricaense. A imprensa de nossa cidade jamais havia recebido um ataque tão direto e letal como o ocorrido na noite deste sábado. Infelizmente, a festa de 205 anos da cidade se enlutece e fica negativamente marcada pela morte do jornalista.

Os mais antigos profissionais costumavam dizer que "a imprensa é o quarto poder" de um Estado. Em inúmeras vezes, de fato, faz juz à afirmação. O que a sociedade, como um todo, espera é que os veículos de comunicação e profissionais de imprensa possam fazer seus trabalhos de forma livre e democrática.

O ErreJota Notícias se cobre de luto e deseja nossas condolências à família e amigos de Robson Giorno.

Clima tempo

TURISMO MARICÁ

Arrow
Arrow
Slider

©2017 Todos os direitos reservados - Maricá Errejota.
Criado por NetartBR