Niterói tem caso confirmado de Coronavírus; número de casos sobem no estado

Foto: Reuters / Divulgação Agência Brasil

A Secretaria de Estado de Saúde confirmou, no final da tarde desta segunda, que Niterói tem um caso confirmado do novo Coronavírus. Ao todo, são oito casos em todo o estado, sendo seis na capital e mais um em Barra Mansa.

Os novos pacientes são três homens (de 27, 42 e 70 anos) e duas mulheres (de 56 e 61 anos) que residem em Niterói (1) e Rio de Janeiro (4). Todos apresentam estado de saúde estável.

Os pacientes retornaram de viagens à Europa, entre os dias 3 e 5 de março, com passagem por países como Itália, Portugal, Espanha, Suíça, Holanda, Israel, Egito e Grécia, apresentando febre, tosse e mialgia, entre outros sintomas. Quatro deles recorreram à rede de saúde particular e um recebeu atendimento médico domiciliar.

“Reforço que, até o momento, continuamos sem transmissão ativa do vírus no Rio de Janeiro. Os casos confirmados até agora são importados do exterior. Permanecemos no Nível Zero do nosso plano de contingência. Alerto a população para os cuidados para prevenir o contágio, como higienizar as mãos com frequência e evitar levá-las ao rosto”, explica Edmar Santos, secretário de Estado de Saúde.

A Fundação Municipal de Saúde de Niterói, em nota, que está acompanhando o caso. O paciente, de 27 anos, é morador da cidade, esteve no exterior, foi atendido em um hospital particular e no momento está em isolamento domiciliar e passa bem.

A nota diz ainda que a Prefeitura monitora todos os casos suspeitos do novo coronavírus (vírus SARS-CoV-2) junto à Secretaria de Estado de Saúde e seguindo os protocolos do Ministério da Saúde. Niterói possui um plano de contingência para a Doença pelo coronavírus 2019 (COVID-19).

Nos casos suspeitos, a equipe de resposta rápida orienta e acompanha o paciente, faz o monitoramento da família e de todos que tiveram contato, colhe amostras e envia para o laboratório estadual referência para o diagnóstico ou descarte da doença. Caso o diagnóstico seja confirmado, a FMS acompanha o tratamento e o isolamento do paciente e monitora todos que tiveram contato com ele.

Maricá – A cidade teve um caso descartado pela Secretaria de Estado de Saúde. No último boletim divulgado, sexta-feira (06), Maricá constava com três casos suspeitos. Na atualização, realizada nesta segunda, a cidade aparece com apenas dois casos também tidos como suspeitos.

Notícias Relacionadas