Rio de Janeiro,

quarta-feira, dezembro 8, 2021
spot_imgspot_img

Leia a nossa última edição #42

Lives nas redes sociais garantem a “festa da virada” em Maricá

Mais lidas

Com a pandemia do novo coronavírus a Prefeitura de Maricá não realizará a tradicional queima de fogos, mas nem por isso a população precisará ter uma virada sem graça, por isso foi preparada uma programação especial de lives com artistas da cidade. As apresentações serão transmitidas pelas páginas oficiais da prefeitura no Youtube e Facebook, assim como aconteceu no aniversário da cidade em maio.

“Dentro dessa linha de entendimento que a gente vem adotando até em relação ao ‘Natal iluminado e Consciente’ e toda essa questão de proteção à vida, nós resolvemos fazer um final de ano diferente. Não podemos de maneira alguma provocar uma concentração grande e o réveillon tem essa característica de unificar muito as pessoas”, afirmou o secretário de Turismo, José Alexandre.

Durante o intervalo das lives, o público irá receber notícias sobre o trabalho feito pelo município. “O momento agora é de ficar em casa e essa programação também visa fortalecer o trabalho do projeto ‘Pratas da Casa’, valorizando nossos artistas, dando oportunidade para que eles possam mostrar todo o seu trabalho”, completou.

Serão quatro dias de lives, de 28 a 31/12, e a dupla Dida Show e Raquel Fonseca abre a programação na segunda-feira com repertório de forró às 18h30. Em seguida, às 21h, a atração será o Forró Brasil.

Na terça-feira (29) os shows iniciam às 17h30 com o cantor Paul Rock, que traz o gênero musical no nome e apresentará clássicos de várias gerações. Logo depois, às 19h30, tem o pagode do Grupo “Tô Kerendo”. No encerramento da segunda noite, a cantora Bruna Mandz apresenta um repertório pop, com influências do reggae, folk e da MPB, a partir das 22h.

A quarta-feira, dia 30, será dedicada ao rock. Thiago Dantas, com um repertório pop rock nacional, se apresenta às 17h. A segunda atração do dia será a banda Thunderock, a partir das 19h30, com clássicos nacionais e internacionais das décadas de 70 a 90.

No último dia do ano, às 17h, Mariana Cunha abre o show de despedida de 2020 com samba e MPB. A ‘sofrência’ está garantida com Moniquinha Angelo a partir das 19h30. A cantora Jô Borges se apresenta às 22h, com samba, MPB e pop nacional. No primeiro dia de 2021, a banda Tatudoemcasa se apresenta às 0h30 com forró, sertanejo e muita “sofrência”.

spot_img
spot_img

Últimas noticias