20 mil alunos voltam às aulas na rede municipal de Maricá

Foto: Fernando Silva / Ascom PMM

Foto: Fernando Silva / Ascom PMM

Mais de 20 mil estudantes da rede municipal de ensino de Maricá retornaram as salas de aula com novos uniformes e kits escolares, diferentes para cada faixa estudantil, distribuídos gratuitamente pela Prefeitura.

As amigas de turma Larissa Gomes e Maria Eduarda Pereira, ambas de 10 anos, cursam o 5º ano na Escola Municipal Carlos Magno Legentil de Mattos e receberam com muito entusiasmo os novos uniformes e kits escolares. “Estudava em Cordeirinho e estou adorando essa escola. O uniforme é lindo e adorei o material que recebi, principalmente, o lápis de cor”, destacou Maria Eduarda. Já a aluna Larissa adorou mesmo os cadernos. “Meu pai já tinha comprado as canetinhas e o lápis de cor. Então vou guardar pra usar quando os meus acabarem. Mas, ganhei seis cadernos de capa dura, lindos”, acrescentou a aluna.

Para a diretora geral da escola Simone Maldonado, a distribuição gratuita desses materiais é um incentivo para estimular ainda mais o ensino. “É um grande diferencial de Maricá oferecer aos alunos da rede municipal uniformes e material escolar de qualidade. Há pais que não possuem condições financeiras de arcar com mais esse gasto. E isso faz com que nossa educação esteja sempre a frente”, declarou. Ainda segundo a diretora, é uma recomendação da escola solicitar aos alunos o devido cuidado com o material para que dure o ano todo. “Durante as aulas, os professores orientam os alunos a zelarem por tudo aquilo que receberam e eles costumam cuidar”, acrescentou a diretora da escola que possui mais de 900 alunos distribuídos em 30 turmas do 1º ao 5º ano.

Além de iniciar as aulas com roupa nova, algumas unidades da rede recepcionaram os estudantes de uma forma especial, como o Jardim Infantil Municipal Trenzinho da Esperança, no bairro Guaratiba, que ofereceu aos pequenos uma aula com música e cantoria.

A diretora do jardim infantil, Shirlene Estrella, falou sobre a importância de atividades lúdicas que envolvam o aluno. “Temos o cuidado de ter um acolhimento prazeroso, tanto para os alunos quanto para os pais. Muitos deixam seus filhos pela primeira vez na escola e a música traz esse prazer”. Ainda segundo a diretora, esse ano, a escola terá oito salas temáticas, entre elas a sala da música. “Então nada mais justo do que iniciar o ano letivo com poesias cantadas”, acrescentou.

Ano letivo com novidades

Dentre algumas das novidades para o ano letivo de 2018 de Maricá está a expansão da rede municipal, com a previsão de inauguração de oito novas unidades, até o final do primeiro trimestre. As unidades ficam em Santa Paula, Boqueirão, Pedreiras, MCMV Inoã, MCMV Itaipuaçu, Flamengo e Jardim Atlântico (Itaipuaçu). Também haverá entrega de 36 novas salas de aula, 13 quadras com vestiário, além da construção de muros e outras reformas.

A Secretaria de Educação informa que ainda existem vagas em algumas unidades, mas os interessados devem ir diretamente às escolas para verificar a disponibilidade. Ainda segundo a secretaria, o bom nível do ensino oferecido pelas escolas do município vem atraindo um número cada vez maior de novos estudantes para a rede, inclusive com uma grande procura nas unidades do Centro e de Itaipuaçu. A previsão é que fevereiro encerre com 23 mil alunos inseridos na rede municipal de ensino.

A secretária de Educação, Adriana Luíza da Costa, aproveita para desejar boas vindas aos alunos e profissionais e agradecer o empenho dos envolvidos. “Esse é o ano da vida, e através da leitura nossos estudantes conquistarão a liberdade necessária para ser responsável pela sua história e da sua comunidade”, afirmou.

Outras novidades são a reestruturação pedagógica utilizando os bairros onde as escolas estão inseridas como elementos integradores e o foco na alfabetização estabelecendo 2018 com o Ano Municipal da Alfabetização. Outra mudança é a avaliação dos estudantes que passa a ser trimestral e não mais por bimestres.

Notícias Relacionadas