550 PMs de UPPs vão reforçar a segurança em Niterói, São Gonçalo e Itaboraí

Foto: Palácio Guanabara/Divulgação

Foto: Palácio Guanabara/Divulgação

Niterói, São Gonçalo e Itaboraí vão receber o reforço de 550 policiais militares oriundos das Unidades de Polícia Pacificadora (UPPs) do Rio de Janeiro. O reforço faz parte de um reordenamento de 3 mil agentes que cumprem funções administrativas nessas unidades. De acordo com a Secretaria Estadual de Segurança Pública (Seseg), as áreas beneficiadas são identificadas como locais onde os índices de violência são maiores. As mudanças começarão a ser implementadas em 15 dias.

 

A quantidade de agentes que será deslocada para o 12º BPM (Niterói), 7º BPM (São Gonçalo) e 35º BPM (Itaboraí) será definida em uma reunião até a próxima sexta-feira, com os comandantes das unidades.

 

O coronel Márcio Rocha, comandante do Batalhão em Niterói, comemorou o reforço.

 

“Ainda não recebemos a informação do número de agentes, mas acredito que nesta semana teremos tudo definido. Vão chegar em boa hora”, disse o comandante.

 

Também receberão reforço a cidade do Rio de Janeiro com 1.100 policiais. Outros 900 vão ser enviados para a Baixada Fluminense, 300 para o Batalhão de Vias Expressas (BPVE) e 150 para o Batalhão de Polícia Turística (BPTur).

 

Em coletiva no Centro Integrado de Comando e Controle, o secretário de Segurança Roberto Sá reafirmou o compromisso da Seseg com a preservação da vida e acrescentou que a mudança nas UPPs vai ao encontro do anseio das comunidades e dos policiais que acreditam no Programa de Polícia Pacificadora.

 

Participaram ainda da coletiva o coronel Wolney Dias, Comandante Geral da PM e Roberto Alzir, Subsecretário de Assuntos Estratégicos.

Fonte: O FLU

Notícias Relacionadas