Cancelamento na instalação de radares não afetará os já instalados em Maricá

Pedro Conforte / A tribuna
Pedro Conforte / A tribuna

Nenhum dos oito mil radares eletrônicos que tiveram suas instalações barradas pelo presidente Jair Bolsonaro está em Maricá ou ao longo da Rodovia Amaral Peixoto, a RJ-106. O motivo é simples: a determinação presidencial vale apenas para rodovias federais.

Bolsonaro disse, no Twitter, ter barrado a instalação de mais de oito mil radares eletrônicos em rodovias federais. “Após revelação do Ministério da Infraestrutura de pedidos prontos de mais de 8.000 novos radares eletrônicos na rodovias federais do país, determinei de imediato o cancelamento de suas instalações. Sabemos que a grande maioria destes têm o único intuito de retomo financeiro ao estado”, escreveu o presidente.

Uma avaliação da real necessidade dos atualmente instalados será feita quando acontecerem a renovação dos contratos de concessão. “Revisaremos todos os contratos de radares verificando a real necessidade de sua existência para que não sobrem dúvidas do enriquecimento de poucos em detrimento da paz do motorista”, disse o mandatário.

Notícias Relacionadas