Rio de Janeiro,

segunda-feira, agosto 2, 2021
spot_img

Leia a nossa última edição #39

SG:Centro de Trauma do Hospital Alberto Torres é referência em atendimento no Estado

Mais lidas

O Centro de Trauma do Hospital Estadual Alberto Torres (Heat), em São Gonçalo, completa esta semana oito anos de funcionamento com cerca de 30 mil pacientes atendidos. Especializado no socorro a pacientes com múltiplos traumas, a unidade conta com tecnologia de ponta e é referência no estado do Rio de Janeiro quando o assunto é salvar vidas.   

O Centro de Trauma conta diariamente com três cirurgiões, três anestesistas, quatro enfermeiros e 12 técnicos de enfermagem voltados para o atendimento às emergências que chegam ao local. A unidade é composta por três salas de cirurgia e um Centro de Imagens com equipamentos de exames Fast (Ultrassom), Tomógrafo, Raios X Móvel, Aparelho de Gasometria e Intensificador de Imagens (Raios X em arco para cirurgias). 

O local possui ainda uma linha direta com Corpo de Bombeiros, Samu, Autopista Fluminense e Polícia Militar, que avisam da chegada de pacientes vítimas de trauma de alta complexidade devido à gravidade dos ferimentos. 

“Eu só tenho a agradecer a Deus e a toda equipe do Centro de Trauma. Meu filho foi vítima de um acidente de carro e eu cheguei a pensar em perde-lo. Mas depois de horas de cirurgia e dias de internação ele saiu andando do hospital. Sou muito grata por todo atendimento e palavras de carinho e conforto de todos os funcionários”, declarou a comerciante Gisele Monteiro, de 51 anos, mãe do Igor, de 23 anos, atendido no Heat em novembro do ano passado.  

Os profissionais que atendem no Centro de Trauma do Hospital Estadual Alberto Torres foram capacitados no Centro de Trauma de Baltimore, nos Estados Unidos, e treinados também no Ryder Trauma Center, da Universidade de Miami, e no Children’s Hospital, dedicado à criança em Washington. 

Administrado pelo Instituto de Desenvolvimento, Ensino e Assistência à Saúde (Ideas) em parceria com a secretaria estadual de Saúde (SES), o Centro de Trauma ocupa uma área de mil metros quadrados logo na entrada do Hospital Estadual Alberto Torres. Além das salas de cirurgia, uma delas inteligente, onde o médico pode acompanhar a tomografia em tempo real, sem precisar esperar que o exame seja revelado, a unidade dispõe de cinco leitos de recuperação pós-anestésica, 35 leitos de retaguarda de CTI, quatro leitos de observação e heliponto para receber casos urgentes de todo estado do Rio

spot_img

Últimas noticias