Começa a distribuição de máscaras em Niterói

Moradores de Niterói começaram a receber, nesta quarta-feira (8), máscaras de tecido para auxiliar na proteção ao coronavírus. Serão um milhão de máscaras entregues pelas próximas duas semanas em diversos pontos da cidade por agentes da Prefeitura, instituições religiosas, associações de moradores, equipes do Programa Médico de Família, das Unidades Básicas de Saúde e das administrações regionais.

Neste primeiro dia da ação foram distribuídas cerca de mil máscaras em Santa Rosa. Na primeira semana, serão distribuídas 500 mil unidades e, na semana seguinte, mais 500 mil. Os equipamentos foram comprados de pequenas e médias confecções do município. A Prefeitura investiu R$ 2 milhões na aquisição das máscaras. O secretário Municipal de Planejamento, Orçamento e Modernização da Gestão, Axel Grael, explicou que as máscaras são de tecido lavável e que junto ao equipamento, está sendo entregue um folheto explicativo sobre a forma correta de uso e orientações para o processo de lavagem.

“Com a aquisição e distribuição dessas máscaras, estamos, ao mesmo tempo, cuidando da saúde das pessoas e gerando renda para outras, já que a produção está sendo feita por pequenas e médias confecções da cidade. Niterói tem uma população de 500 mil habitantes e todos receberão suas máscaras, já que a Prefeitura vai distribuir um milhão de unidades. A gente conta com a consciência da população que só pegue as unidades conforme o Ministério da Saúde preconiza para que não falte para outras pessoas. E lembrem-se que a melhor medida de prevenção ainda é o isolamento social”, enfatizou Grael.

O prefeito de Niterói, Rodrigo Neves, ressaltou que desde o último sábado, o Ministério da Saúde alertou que regiões como Rio de Janeiro, Brasília, Ceará e São Paulo entraram na fase descontrolada de expansão de propagação do contágio pelo novo coronavírus e, por isso, a recomendação para que a população use máscaras em caso de extrema necessidade de sair às ruas.

“A Prefeitura vem adotando várias medidas importantes que evita a propagação rápida da Covid-19 no município e também o número de mortes. Com essas ações, estamos salvando vidas. Mas volto a repetir que é necessário que cada pessoa faça a sua parte e fique em casa”, reforçou o prefeito.

Niterói registra, até o momento, 106 casos confirmados de doença pelo novo coronavírus (Covid-19), sendo 25 pacientes hospitalizados (15 em UTI), 34 em isolamento domiciliar e acompanhados pela Fundação Municipal de Saúde, 45 recuperados e 2 óbitos.

Notícias Relacionadas