Rio de Janeiro,

quinta-feira, setembro 23, 2021
spot_imgspot_img

Leia a nossa última edição #40

Complexo ecoturístico será construído no Mirante do Caju

Mais lidas

Maricá ganhará um novo espaço turístico nos próximos meses; já conhecido por todos os praticantes de esportes de aventura, o Mirante do Caju será reformulado para se tornar não só palco de competições esportivas (o que já é), mas também um grande atrativo de turistas e visitantes.

A nova área terá um total de 9 mil metros quadrados e vai permitir uma visão em 360 graus de quase toda a cidade, através de um deck em formato circular, com cerca de 2.700 metros quadrados. As obras, que terão um custo de R$ 6,7 milhões, têm previsão de duração de doze meses.

“Além de oferecer mais um espaço gastronômico e de lazer, com certeza esse lindo espaço será incluído em nossos roteiros, oferecendo assim mais uma alternativa de qualidade. A visão privilegiada para a região central da cidade, com as lagoas e o mar, vai encantar a todos os visitantes”, acredita o secretário de Turismo de Maricá, José Alexandre Almeida.

No deck que vai ser construído, está previsto um auditório para cerca de 200 pessoas, uma galeria de artes, restaurante, loja de souvenir, camarins, banheiros e vestiários, além de salas administrativas.

O projeto inclui ainda construção áreas de convivência para piqueniques, academia, pomar e ainda a requalificação das pistas de downhill, esporte ciclístico já praticado na área, inclusive com disputa de campeonatos. Toda a área vai contar com acessibilidade para pessoas portadoras de deficiência.

“Ver nossa cidade ganhando novos contornos, que possibilitam seu desenvolvimento e de nosso povo, é um sonho que estamos realizando através de muito trabalho. Trabalho esse recompensado quando percebemos o brilho nos olhos de cada maricaense que tem seu sentimento de pertencimento cada dia mais fortalecido”, postou o prefeito de Maricá Fabiano Horta, em sua página oficial nas redes sociais.

As intervenções no local já começaram. Já está sendo feita a terraplanagem e a avaliação geológica do solo para início da construção.

Competições esportivas – Vale lembrar que o local recebe uma das trilhas oficiais de caminhada de Maricá, além de ser muito procurado por quem explora trilhas de moto ou bicicleta. Em novembro de 2018, o local sediou a última etapa da Taça Brasil de Mountain Bike XCO, que atraiu cerca de 200 ciclistas de diversas partes do país ao circuito.

“Vamos nos informar melhor sobre o projeto e avaliar o que podemos ter ali quando ficar pronto. Mas conhecendo o local e visualizando a projeção das imagens posso dizer que as possibilidades são muitas, será um espaço bastante promissor para prática esportiva”, acredita o secretário de Esportes e Lazer, Carlos Vagner Frauches.

spot_img
spot_img

Últimas noticias