Definida arbitragem da partida decisiva entre Maricá FC e Sampaio Corrêa

Foto: Divulgação / FERJ

A Comissão de Arbitragem (COAF-RJ) da Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro (FERJ) já definiu qual vai ser o quarteto de arbitragem que apitará a partida que pode sacramentar o acesso à seletiva para a elite do futebol carioca em 2021 do Maricá FC ou do Sampaio Corrêa.

Matheus Carneiro Torres será o árbitro da partida. Ele tem 26 anos e é professor de Educação Física. Está nos quadros da FERJ desde 2012 e já participou de 13 partidas neste ano.

O árbitro apitou quatro partidas na Série B1 do Campeonato Carioca e atuou como 4° árbitro em outras cinco. Na Série A, foi o “juiz” reserva em três partidas, sendo duas com time grande em campo (em ambos os casos, o Fluminense estava atuando). Matheus apitou, ainda, um clássico entre Vasco e Fluminense pelo Campeonato Carioca Sub-20.

Serão os auxiliares da partida Renato Xavier e Hugo Barreto Facundo de Castro e Silva. Daniel Elbert de Andrade será o quarto árbitro.

Maricá FC e Sampaio Corrêa voltam à campo nesta quarta (09), às 15h, no Alzirão, em Itaboraí. Para avançar à final da Série B1, o time maricaense depende apenas de um empate, já que foi campeão do segundo turno da segundona do Cariocão.

Jovem Talento – A árbitra Beatriz Dantas, do quadro da FERJ/COAF-RJ e da CBF, foi selecionada para participar do seminário de Jovens Talentos da Arbitragem da Conmebol. Ela foi uma das quatro brasileiras selecionadas para o curso, que começou nesta segunda (07/12) e vai até sexta-feira (11), no Paraguai.

Beatriz apitou no último sábado (05) a semifinal da Serie B1 Estadual, Sampaio Corrêa 0 x 0 Maricá, no Estádio Lourival Gomes, em Saquarema.

Notícias Relacionadas