Definido os grupos da Libertadores 2019

Norberto Duarte
Norberto Duarte

O Flamengo, que não conseguiu desbancar o Palmeiras no Brasileiro, ficou no Grupo D, onde terá pela frente o Peñarol-URU, a LDU-EQU e o segundo representante da Bolívia. A definição sairá nesta quarta-feira, podendo ser o San José e o Royal Pari.

Outros brasileiros na disputa são o Cruzeiro, cabeça-de-chave do Grupo B ao lado de Emelec-EQU, Huracán-AR e Deportivo Lara-VEN, o Atlético-PR, no Grupo G, frente a Boca Juniors, Jorge Wilstermann-BOL e Tolima-COL.

O São Paulo conheceu o caminho que terá de percorrer para conseguir chegar à fase de grupos da Copa Libertadores da América. O Tricolor, que se classificou como quinto colocado do Campeonato Brasileiro, terá pela frente a equipe do Talleres-ARG, único argentino nas preliminares, definindo o confronto no estádio do Morumbi. Os jogos serão no começo de fevereiro.

Além do Tricolor, outro brasileiro na disputa preliminar é o Atlético-MG, que terá pela frente a equipe do Danúbio, do Uruguai, também definindo como mandante o confronto. Outro campeão da Libertadores nesta fase é o Atlético Nacional, da Colômbia, que encara o vencedor de Deportivo La Guaira e Real Garcilaso-PER.

Caso avancem nos confrontos, tanto o São Paulo quanto o Galo já sabem o que poderão enfrentar. Os tricolores encarariam o vencedor da disputa entre Palestino-CHI e Independiente de Medellín, da Colômbia. Do outro lado, os mineiros teriam pela frente o vencedor do duelo entre Barcelona de Guayaquil e um adversário a definir entre o quarto representante da Bolívia e o Defensor-URU.

Atual campeão brasileiro, o Palmeiras, no Grupo F, o Verdão terá pela frente mais uma vez o Júnior de Barranquilla, rival na edição deste ano, e o San Lorenzo, da Argentina, além de um representante que sairá da fase preliminar.

Um dos favoritos no torneio, o clube do Palestra Itália demorará certo tempo até saber qual é o quarto elemento da sua chave. A definição se dará entre o ganhador dos confrontos C2 e C7 da segunda fase. Compõem o C2 Melgar-PER e Universidad de Chile, enquanto o C7 opõe o Caracas-VEN ao vencedor do embate entre Delfín-EQU e Nacional-PAR.

O último é o Grêmio, no Grupo H, contra Universidad Católica-CHI, Rosário Central e um representante da pré-Libertadores, a ser definido no vencedor do confronto entre Bolívar-BOL e Libertad encarando Atlético Nacional x Deportivo La Guaira-VEN/Real Garcilaso-PER.

Premiação – O evento também definiu que o campeão do torneio ganhará 12 milhões de dólares (R$ 46,8 milhões) pelo título, aproximadamente.

Notícias Relacionadas