Deputado Estadual Gil Vianna é nova vítima fatal do Covid-19

Foto: Divulgação / Alerj

O deputado estadual Gil Vianna (PSL-RJ) morreu na noite desta terça-feira (19) em decorrência de Covid-19. A informação foi divulgada pelo colega Flávio Serafini (PSOL-RJ) em seu twitter.

“Acabamos de saber o falecimento do também deputado estadual Gil Viana (PSL), vítima do Covid-19 aos 54 anos. Diferenças ideológicas à parte, prestamos nossa solidariedade à família e desejamos força para atravessar esse momento”, publicou Serafini.

Gil estava internado há uma semana no Hospital da Unimed, em Campos dos Goytacazes. Nesta terça seu quadro se agravou. O deputado chegou a ser entubado, mas não resistiu.

Gil Vianna estava em seu primeiro mandato como deputado estadual e era pré-candidato à Prefeitura de Campos. Ele foi vereador na cidade.

A Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro divulgou uma nota sobre a morte:

“A Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj) lamenta informar a morte do deputado estadual Gil Vianna (PSL), na noite de terça-feira (19/05), vítima da covid-19. Ele estava internado há oito dias num hospital particular de Campos dos Goytacazes.

O presidente da Alerj, deputado André Ceciliano (PT), se solidarizou com a família de Vianna e de todas as vítimas da covid-19. “Infelizmente perdemos nosso Gil Vianna. Um ótimo sujeito, simples, um amigo nosso, apenas 54 anos. É uma grande tristeza”, disse.

O deputado estava internado há oito dias e seu quadro era estável, mas apresentou piora no início da noite e precisou ser entubado, vindo a falecer após sofrer uma parada cardíaca, às 22h45.

Gil Vianna estava em seu primeiro mandato com deputado estadual, eleito em 2018, com 28.636 votos. Ele foi policial militar e iniciou a carreira política em 2008, como vereador em Campos dos Goytacazes.

Ceciliano (PT) anunciou o luto com a suspensão das atividades da Casa por três dias. Na tarde desta terça-feira, durante a sessão virtual da Casa Legislativa, os deputados fizeram um minuto de silêncio pela morte do vereador Jorginho da SOS, e por todas as vítimas da covid-19.”

Notícias Relacionadas