spot_imgspot_img

Leia a nossa última edição #69

spot_img
spot_imgspot_img

Fluminense perde de 4 a 0 para o Manchester City e é vice do Mundial

spot_imgspot_img

Mais lidas

Apesar de toda a expectativa dos torcedores (muitos foram para a Arábia Saudita ver os jogos), não deu para o Fluminense vencer o Manchester City, campeão europeu este ano. O time inglês goleou o carioca por 4 a 0, ficando com o inédito título de campeão do Mundial de Clubes, nesta sexta-feira, 22. O Flu ficou com o vice-campeonato. Fecha o ano ainda como campeão da Libertadores da América 2023.

As esperanças do time tricolor acabaram aos 40 segundos do primeiro tempo, quando uma saída equivocada de Marcelo, que chutou e a bola foi parar na equipe adversária e Álvarez chutou e fez o primeiro gol dos ingleses. A partir daí, a partida foi marcada por vários erros da defesa do Flu, sem falar que a disposição física do Manchester parecia ser bem maior que a dos tricolores.

Em seguida, aos 27 minutos do primeiro tempo, Nino fez gol contra, ao tentar interceptar uma jogada de ataque inglês.

No segundo tempo, o Flu foi mais para o ataque, abrindo espaços na defesa, que foram aproveitados pelo time adversário.

A missão de derrubar o campeão europeu era improvável, e o Fluminense foi mais um sul-americano a não conseguir realizá-la. Em uma partida marcada por erros defensivos e uma acentuada diferença física entre as equipes, o Manchester City fez 4 a 0 e venceu o Mundial de Clubes pela primeira vez em sua história, com gols de Julián Álvarez (2), Nino (contra) e Phil Foden.

No segundo tempo, Fernando Diniz colocou John Kennedy, autor do gol da classificação para a final, no lugar de Keno, mas, não adiantou.  Mas, um lance errado de Samuel Xavier perto da área, ao errar um toque de cabeça, permitiu que Álvarez cruzasse para Foden fazer o terceiro gol. Finalmente, aos 42 minutos, Álvarez recebeu passe de Matheus Nunes, cortou André e fez o quarto gol. A partido terminou aos 45 minutos e sem acréscimos.

spot_imgspot_img
spot_imgspot_img
spot_imgspot_img
spot_imgspot_img
spot_imgspot_img
spot_imgspot_img

Últimas notícias

spot_imgspot_img
spot_imgspot_img