Fortes chuvas preocupam vereadores de Maricá

Fotos: Romário Barros

Fotos: Romário Barros

Na última semana choveu forte em Maricá e alguns bairros sofreram com as consequências das chuvas.  Houve pontos de alagamentos e alguns moradores perderam seus pertences. Durante a sessão desta segunda-feira (26), os vereadores da Câmara Municipal de Maricá discutiram medidas e apresentaram preocupação com futuras tempestades. O vereador Tatai (PTB) falou sobre os estragos causados pela chuva na região de também nessa área.

“Vimos pessoas em estado de calamidade, esgoto para todo lado. O secretário Renato enviou equipe para lá. Conseguimos amenizar bastante. Ali da Avenida B até o rio já tem a topografia lá medindo e faremos extensão de manilhamento daquela área da avenida até o rio”.

O vereador Marcinho da Construção (DEM) salientou a importância de investir em macrodrenagem.

“Quero falar da importância das obras de macrodrenagem. Desde o início de 2017 estou numa luta constante na questão das dragagens começando pelo Rio Roncador em Inoã. Quero agradecer pela macrodrenagem feita no Rio Preguiça que sai do Bosque Fundo e vai para o Raphaville”. Essas obras são de extrema relevância.

O vereador Ismael Breve (DEM) parabenizou o prefeito Fabiano Horta e o secretário de Obras, Renato Machado,

“A culpa não é só da prefeitura, infelizmente passaram vereadores aqui por esta casa e que permitiram que a população construíssem casa em manilhas. Quando as chuvas vêm fortes, temos problemas. Tenho certeza que até o final de 2020 vamos solucionar este problema”.

O vereador Fabrício Bittencourt (PTB) aproveitou para informar que está sendo feita licitação para a construção de pontes para carros e pedestres em Itaipuaçu.

Saúde e Educação – O vereador Chiquinho (PP) foi à tribuna para falar do posto de saúde em Ponta Negra. Segundo ele, o local precisa de intervenção rápida da prefeitura. O vereador também pediu que a Secretaria Municipal de Educação disponibilize transporte escolar para os estudantes do Caic, em São José do Imbassai.

“Fui até o posto, pois recebi denúncias de moradores. Peço a troca de assentos nas cadeiras, um bebedouro para os pacientes, o setor de fisioterapia está sem material para trabalho. Peço que vejam o telhado também porque quando chove, molha os pacientes”.

O vereador Dr. Richard (PT) falou sobre a ineficiência do Governo do Estado sobre a volta às aulas. Ele explicou que há estudantes sem vaga nas escolas estaduais e propôs uma Nota de Repúdio.

Cultura e meio ambiente – O vereador Ricardinho Netuno (PEN) falou sobre a coleta de lixo realizada por ele e um grupo de pessoas no Canal da Costa.

“Realizamos um evento de conscientização no Canal da Costa e tinha muito lixo. Retiramos mais de 20 sacos de lixo. Retiramos até televisão. Temos que tentar expandir isso como cultura pela cidade toda. Temos que fazer educação ambiental nas escolas. Formar o cidadão com esse carinho, vinculo afetivo com Maricá”.

O vereador Marcus Bambam (PV) alertou sobre o tombamento da Igreja Nossa Senhora do Amparo. Alguns munícipes de equivocaram e ele apenas salientou que o tombamento é como patrimônio histórico de um ponto turístico da cidade.

Ordem do Dia – Foi votada na sessão de hoje moção de autoria do vereador Dr. Richard a Marcus Felype de Freitas, à doutora Cínthia Dopazio, a Renata Caldas, à doutora Juliana da Silva, a Ana Paula Matias, a Sueli Jose de Marins e aos integrantes do Grêmio Recreativo Escola de Samba União de Maricá, pela conquista de campeã do Carnaval 2018 da série C do Carnaval Carioca.  Também foi votada moção de congratulações de autoria do vereador Marcinho da Construção a Arlan Viana pelo empenho e dedicação ao trabalho de encarregado de obras no município.

Notícias Relacionadas

 

 

 

 

 

 

 

ID do anuncio invalido ou não publicado.