Hospitais de Niterói, São Gonçalo e Maricá recebem ‘kit intubação’

O Estado está distribuindo mais de 300 mil “kits intubação” para hospitais públicos e privados com leitos Covid inseridos no Plano de Contingência. Com as últimas entregas de sedativos e bloqueadores, o quantitativo compõe o estoque de medicamentos para o período estimado de até dez dias de atendimento.

De acordo com a Secretaria de Estado de Saúde (SES), entre a última quinta-feira (15) e hoje (19), 373 mil unidades de medicamentos adquiridos pela secretaria e enviados pelo Ministério da Saúde terão sido liberados pela Coordenação Geral de Armazenagem (CGA) do estado.

O lote é composto por cisatracúrio, besilato 10mg; fentanila, citrato 0,05 mg/ml; midazolam 5 mg/ml; e propofol 10 mg/ml. Parte desses medicamentos será retirada por hospitais do Rio, Niterói, São Gonçalo e Maricá.

‘Todos os esforços estão voltados para salvar vidas, e este momento requer muito planejamento e uso consciente dos medicamentos. A SES tem se dedicado para que as unidades não fiquem desabastecidas, tendo inclusive feito a aquisição dos medicamentos, que devem ser comprados pelas próprias gestões das unidades. Contudo, é preciso também que os gestores dos hospitais destinem o uso desses medicamentos de forma prioritária aos pacientes que necessitam de intubação dentro do protocolo do tratamento da Covid-19. O cenário é preocupante, não só no Estado do Rio de Janeiro, como em todo o país, mas estamos trabalhando diuturnamente para solucionar esta questão com legalidade e a agilidade necessária’, ressalta o secretário de Estado de Saúde, Carlos Alberto Chaves.

Notícias Relacionadas