IFF: inscrições prorrogadas para contratação de técnico especializado em linguagem de sinais

O Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Fluminense (IFF) anunciou a realização de um novo processo seletivo, que tem por objetivo o preenchimento de quatro vagas, destinadas à contratação por tempo determinado de profissionais a fim de exercerem o cargo de técnico especializado em linguagem de sinais.

O profissional contratado trabalhará em regime de 40 horas semanais, terá remuneração mensal no valor de R$ 4.180,66, acrescido de auxílio-alimentação no valor de R$ 458,00, bem como auxílio pré-escolar no valor de R$ 321,00 e auxílio-transporte.

Para concorrer a uma das vagas ofertadas, é necessário que o candidato possua escolaridade em nível superior, bem como fluência em libras, conforme é especificado no edital.

Os interessados podem se inscrever até 21 de outubro deste mesmo ano, por meio do site do IFF. O pagamento da taxa de inscrição no valor de R$ 70,00, por meio de Guia de Recolhimento da União (GRU), até o dia 8 de outubro de 2020. No entanto, os candidatos que se enquadram nos critérios estabelecidos no edital, podem solicitar a isenção da taxa de inscrição, no período de 23 a 30 de setembro de 2020.

Os candidatos serão avaliados mediante prova prática realizada nas datas previstas de 21, 22 e 23 de outubro de 2020, no Campus Centro, situado na rua Dr. Siqueira, nº 273, Parque Dom Bosco, Campos dos Goytacazes, Rio de Janeiro. Haverá análise de currículo, de acordo com os critérios de pontuação especificados no edital.

As oportunidades são distribuídas da seguinte forma: Campos Centro (1); Itaperuna (1); Macaé (1) e Quissamã (1).

Atribuições

Dentre as funções a serem exercidas pelo profissional contratado, estão as seguintes atribuições: traduzir e interpretar libras, na modalidade sinalizada, ara a língua portuguesa, na modalidade oral e escrita e vice-versa em sala de aula ou em outras atividades escolares, intermediando a comunicação entre os alunos e professores; pesquisar e estudar conceitos acadêmicos, em parceira com o professor da sala de aula, que favoreça a compreensão em libras para os alunos surdos; realizar o trabalho de forma remota ou presencial, de acordo com a demanda da instituição, e demais atribuições, prescritas no documento de seleção.

Notícias Relacionadas