Igreja vira ponto de vacinação contra a Covid-19 em São Gonçalo

A Igreja Universal do Reino de Deus, no bairro do Alcântara vai se somar aos outros onze pontos de vacinação para pedestres, passando a totalizar 12 locais em São Gonçalo. A vacinação no local começará na próxima segunda-feira (19). Nesta sexta-feira (16), idosos a partir de 62 anos podem procurar os onze pontos de vacinação, quatro deles com drive thru, das 8h às 17h, além de dois grupos de trabalhadores da saúde.
Vale lembrar que os gonçalenses não precisam ir aos pontos de vacinação nas primeiras horas da manhã, já que há vacina suficiente disponível para os munícipes. São Gonçalo está priorizando os moradores da cidade na vacinação. É imprescindível que os gonçalenses levem o comprovante de residência para se vacinarem com a primeira dose. A Prefeitura de São Gonçalo lembra que o número de doses enviadas pelo Ministério da Saúde, através da Secretaria de Estado de Saúde, é reservado aos munícipes e que foi orientada a vacinar exclusivamente os gonçalenses.
Os trabalhadores da saúde da linha de frente dos hospitais de São Gonçalo que ainda não se vacinaram por serem recém-contratados e os que trabalham em hospitais da cidade que não são da linha de frente e têm mais de 50 anos podem se vacinar com a primeira dose. Os trabalhadores dos serviços de saúde públicos e privados da linha de frente são aqueles que estão envolvidos diretamente na atenção/referência para os casos suspeitos e confirmados de covid-19 – tanto da urgência e emergência quanto da atenção básica. Neste grupo estão todos os trabalhadores envolvidos na unidade de saúde (faxineiros, atendentes, recepcionistas, maqueiros, médicos, enfermeiros, copeiras, cozinheiras, técnicos…).
Para se vacinarem, eles devem comprovar o vínculo empregatício em unidade de saúde do município que seja da linha de frente. Ou se trabalham em outra cidade, devem apresentar o vínculo de trabalho em unidade que seja linha de frente e o comprovante de residência. Estão na lista dos profissionais de saúde com mais de 50 anos que trabalham em hospitais da cidade ou que moram em São Gonçalo e atuam em hospitais de outros municípios e que podem se vacinar com a primeira dose: técnico em radiologia, enfermeiro, técnico e auxiliar de enfermagem, médico, fisioterapeuta, nutricionista, odontólogo, fonoaudiólogo, psicólogo, biólogo, farmacêutico, assistente social, biomédico e auxiliar e técnico de saúde bucal.

Notícias Relacionadas