Rio de Janeiro,

sábado, setembro 25, 2021
spot_imgspot_img

Leia a nossa última edição #40

Integração na segurança pública de Maricá

Mais lidas

Mais segurança para Maricá. Durante reunião entre o secretário de Ordem Pública e Gestão de Gabinete Institucional de Maricá, Tenente- Coronel Julio Cesar Veras e o novo comandante do 12º Batalhão (Niterói), Tenente- Coronel Christiano Dantas, na tarde desta quarta-feira (28), será realizada uma integração na segurança da cidade, entre os Policiais Militares do 12º BPM e a Secretaria de Ordem Pública da cidade (SEOP).  

Comandante do 12º BPM, Tenente-Coronel Dantas, secretário de Ordem Pública Maricá, Tenente Coronel Julio Veras, subsecretario de Ordem Pública de Maricá, Tenente- Coronel Bueno.

O novo comandante destacou a integração entre os orgão municipais e a PMERJ na segurança das cidades.

“Nosso objetivo é realizar um planejamento integrado entre as regiões. Proporcionando a população de Maricá uma melhor segurança e prestação de serviço, reduzindo os indices de criminalidade”, disse Dantas.

Além da integração, Maricá ainda contará , a partir de agosto,  com mais policiais nas ruas da cidade. O convênio  do Programa Estadual de Integração na Segurança (Proeis) foi amplido e poderá contar com até 170 policiais militares por dia nos programas de segurança no município.

O  Proeis atualmente conta com até  120 policiais dia e a nova parceria prevê entre Governo do Estado e Prefeitura, por meio da Secretaria de Ordem Pública e Gestão de Gabinete Institucional, prevê em média, um aumento de 40% policiais atuando nos quatro distritos da cidade.

Segundo o secretário de Ordem Pública e Gestão de Gabinete Institucional, Tenente- Coronel Julio Cesar Veras o convênio já foi assinado pelo Secretário de Estado da Polícia Militar,Comandante Geral Rogério Figueiredo e pelo  Prefeito de Maricá, Fabiano Horta e começa a funcionar a partir do dia 3 de agosto.

O chefe da pasta ainda ressalta a possibilidade de agentes do Programa Estadual de Integração na Segurança (Proeis) atuarem nas rodovias que cortam a cidade.

“O aumento é em razão das demandas que detectamos no municipio,  e com isso iremos reforçar a segurança do programa  Bairro Seguro, além da possibilidade de ocupação dos conjuntos habitacionais ‘Minha Casa Minha Vida’, além de outros pontos da cidade.  Foi feito contato também com o Comandante do Batalhão de Polícia Rodoviária Estadual (BPRv) para que o Proeis possam ser utilizados na rodovias com o BPRv, estamos em tratativa para atuação em conjunto”, explicou.

spot_img
spot_img

Últimas noticias