ISP aponta redução de indicadores de violência em Niterói

Foto: Divulgação / CPROEIS

Niterói manteve a tendência de queda nos índices de criminalidade na cidade. De acordo com os índices divulgados, nesta terça-feira (22), pelo Instituto Público de Segurança (ISP), o indicador de letalidade violenta registrou um recuo de 47,79% se comparado ao acumulado entre janeiro e maio de 2019.

Com relação à roubo de rua, a variação neste mesmo período foi de 52% no geral e 70,97% no indicador roubo de veículos.

“De janeiro a maio, Niterói registrou menos 43 óbitos por conta da violência urbana em relação ao mesmo período do ano passado. De 1 a 20 de junho do ano passado, tivemos 18 óbitos por violência e, neste ano, apenas um óbito. Estamos falando em quase 60 mortes a menos na cidade por conta violência”, afirmou o prefeito Rodrigo Neves.

Os maiores destaques ocorreram nas áreas da 76ª DP (Centro) e 77ª DP (Icaraí), onde não ocorreram homicídios durante todo o mês de maio. A 78ª DP (Fonseca) registrou uma queda de 60% e na área da 79ª DP (Charitas), foram 33% a menos. Com relação a roubo de rua, o acumulado entre janeiro e maio de 2019 com relação a este mesmo período em 2020, apresentou uma queda de 56,29% na área da 76ª DP; 49,63% (77ª DP); 45,02% (78ª DP); 74,77% (79ª DP), 43% na área da 81ª DP. O roubo de veículos, nesse acumulado, manteve queda de 51,92% (76ª DP); 82,84% (77ªDP); 64,93% (78ªDP); 79,43% (79ª DP) e 71% na área da 81ª DP.

“Mais uma vez, tivemos uma redução expressiva em todos os indicadores e, principalmente, no que se refere a letalidade violenta. Podemos observar que em muitos locais da região metropolitana isso não vem ocorrendo. E muitos estão com dificuldade no combate à criminalidade e na implementação de políticas públicas que colaborem com as forças de segurança. Por orientação do prefeito, continuamos mantendo a integração com a Guarda Municipal, Niterói Presente e Polícia Militar. Todos os agentes estão empenhados em fazer cumprir as medidas sanitárias decretadas pelo prefeito mas, também, continuam firmes no combate à criminalidade”, destacou Gilson Chagas, secretário do Gabinete de Gestão Integrada de Segurança.

O Centro Integrado de Segurança Pública (Cisp), operado pela Guarda Municipal, monitora a cidade com 600 câmeras, sendo 70 equipamentos inteligentes que fazem o cercamento eletrônico, responsável por ajudar as forças de segurança na recuperação de veículos roubados até prisão de quadrilhas.

Notícias Relacionadas

 

 

 

 

 

 

 

ID do anuncio invalido ou não publicado.