Rio de Janeiro,

sábado, setembro 25, 2021
spot_imgspot_img

Leia a nossa última edição #40

Itaboraí: CRAS itinerante atende população do Pacheco

Mais lidas

O ‘CRAS itinerante’ realizou nesta sexta-feira (07), atividades no distrito de Pachecos, em Itaboraí. O ônibus do Sistema Único de Assistência Social (SUAS) ficou estacionado entre os bairros de Itapacorá e Peroba para realizar o cadastramento dos moradores da região.

O objetivo da ação foi gerar o Número de Identificação Social (NIS) da população, para que essas famílias possam ser, futuramente, incluídas em programas sociais. Representando o prefeito Marcelo Delaroli, o secretário municipal de Desenvolvimento Social, Marcos Araújo, destacou a importância de aproximar os equipamentos da Prefeitura para a população residente em regiões mais afastadas.

A intenção deste projeto é levar os serviços da Prefeitura de Itaboraí às comunidades mais distantes. A equipe ainda não está totalmente formada, mas estamos dando o pontapé fundamental para a retomada do programa, para que em breve a gente possa levar esse ônibus a regiões ainda mais afastadas e proporcionar esse atendimento à população. Muitas vezes, os moradores não têm o dinheiro da passagem para ir até um equipamento, por isso é importante trazer o equipamento até os moradores”, explicou o secretário.

O cadastramento das famílias foi feito por equipes de assistentes sociais da SEMDS, em parceria com representantes dos Centros de Referência de Assistência Social (CRAS) da Ampliação e da Reta. Além disso, a ação também contou com a presença da coordenadora do Programa de Erradicação do Trabalho Infantil (PETI), Lívia Alves, que orientou pais, crianças e adolescentes da região sobre a importância de combater o trabalho infantil no município.

Moradora de Peroba, a dona de casa Elcilene da Conceição, de 35 anos, aprovou a iniciativa da Prefeitura de Itaboraí e contou que a distância até outras regiões da cidade, muitas vezes, impossibilita o acesso a determinados serviços. “Achei muito positiva essa ação, porque nunca tivemos isso por aqui. Fica tudo muito distante e, às vezes, é muito contramão para ter acesso a esses serviços”, afirmou a moradora.

Informação

Também nesta sexta-feira (07/05), as equipes da SEMDS percorreram as ruas do bairro de Manilha realizando uma ação informativa para trabalhadores informais sobre os benefícios da inscrição ao CadÚnico. Na atividade, os ambulantes puderam tirar dúvidas sobre quais são os documentos necessários para realizar o cadastro e também foram convidados a procurarem uma das sete unidades do CRAS em Itaboraí para efetivar a inscrição.

spot_img
spot_img

Últimas noticias