Rio de Janeiro,

quinta-feira, junho 24, 2021
spot_img

Leia a nossa última edição #37

Maricá: Castramóvel terá mais duas ações este ano

Mais lidas

A Coordenadoria Especial de Proteção Animal de Maricá realizou aproximadamente 200 castrações em cães e gatos, nesta terça-feira, em Itaipuaçu, através do Castramóvel. Essa etapa contemplou moradores e seus pets do 3º e 4º distritos. Nesta quarta-feira será a vez da ação estacionar em Cordeirinho e atender a demanda do 1º e 2º distritos. Ao todo são estimadas 400 castrações.

De acordo com o Coordenador da Proteção Animal, Fabiano Novaes, durante o ano são realizadas três ações para castração, no mês de maio, agosto e novembro. Quem ficou de fora desta etapa deve ficar atento ao próximo período de inscrição, programado para ocorrer em julho.

“A ideia é acompanhar a demanda da cidade. Procuramos atender todos os distritos para facilitar o deslocamento das pessoas e seus animais”, disse Fabiano.

Procedimento – Para realizar a castração é necessário estar atento ao período de inscrições. No caso dos cães, no dia da inscrição é realizado um exame de sangue e posteriormente o proprietário é informado se o seu animalzinho está apto para realizar a cirurgia de castração.

“Nos dias reservados às inscrições e triagens somente os cães precisam ser levados até os locais, já que é necessário a realização de uma coleta do sangue, para examinarmos se não há nenhum problema que possa impedir o processo de castração, evitando maiores problemas”, explicou o coordenador da pasta.

Quando aprovado, os animais retornam no dia marcado para cirurgia. Após verificação da documentação, os pets são pesados, medicados e em seguida encaminhados para o pré-operatório, onde são anestesiados e preparados para castração. A cirurgia dura em média 10 minutos, mas é necessário que o animal fique em observação até acordar.

Após todo procedimento, na hora da entrega do animal ao seu dono, um funcionário da coordenadoria passa as orientações de tratamento, além de fornecer medicação.

“São seis cirurgias simultâneas. Após o procedimento nós acompanhamos o animal para ver se a recuperação dos seus reflexos está perfeita, essa é a parte mais demorada. Temos que avaliar tudo para devolvermos o pet ao dono”, contou a doutora Kelly Delgado.

Quem pode? – De acordo com as regras de castração, os cães ou gatos deverão ter entre 5 meses e 6 anos de idade e não serão feitas cirurgias em cadelas no cio, prenhas, em lactação ou animais braquicefálicos (boxer, shih-tzu, pug, gato persa, dentre outros). Além disso, não é preciso que os felinos sejam levados no dia da inscrição, somente os cães para coleta de sangue, podendo ser inscritos dois animais por cadastro de pessoa física (CPF) do tutor, sendo apenas uma cadela permitida por CPF.

Documentos – Os documentos (cópias) necessários para a inscrição são: comprovante de residência do município de Maricá, identidade, CPF, comprovante de rendimentos e qualquer comprovante de renda familiar de até três salários-mínimos — visto que o projeto é destinado preferencialmente às pessoas de baixa renda. No local das inscrições é necessário, ainda, que cada tutor use máscara e, preferencialmente, leve sua própria caneta para evitar a contaminação pelo novo coronavírus.

spot_img

Últimas noticias