Maricá E.C. enfrenta equipe do Futuro Bem Próximo de Niterói no domingo pela B2 do Estadual

Foto: Clarildo Menezes

Foto: Clarildo Menezes

Após a vitória por 3 a 0 sobre o Araruama, que deu ao Maricá E.C. a liderança do Grupo A na série B-2 do Campeonato Carioca, a equipe finaliza a preparação para a segunda rodada da competição. No próximo domingo (10/06), o grupo comandado pelo ex-atacante Sorato, enfrenta o Futuro Bem Próximo, de Niterói, em local ainda a ser definido pela Federação de Futebol do Rio de Janeiro (Ferj).

A vitória sobre o Araruama deixou uma impressão positiva sobre o Maricá, que desde já, passa a ser um dos clubes mais bem cotados quando o assunto é acesso. Há, no entanto, margem para crescimento, segundo o treinador maricaense. Na visão de Sorato, os jogadores apresentaram um alto nível de nervosismo, principalmente na etapa inicial da partida, quando o Maricá controlou o duelo, mas teve poucas oportunidades de marcar.

Ainda assim, as falhas foram tratadas dentro da naturalidade. “Em toda estreia, o nível de ansiedade é alto. Foi nítido isso no primeiro tempo, principalmente. Por tudo que aconteceu, com essa paralisação decorrente da greve dos caminhoneiros, que teve que adiar a rodada, a ansiedade ficou muito alta, mas tudo que planejamos para esse início de competição foi cumprido. Necessitamos de melhora. E isso eu falei no vestiário”, afirmou. 

 O fato de a maior parte dos jogos da ‘Terceirona’ ser disputada apenas nos fins de semana é visto como um fator positivo para Sorato. “Você consegue recuperar todo mundo, fazer seu trabalho. Não temos hoje os recursos das grandes equipes para saber como cada atleta está. É um tempo que a gente aproveita bem”, enfatizou.

Notícias Relacionadas

 

 

 

 

 

 

 

ID do anuncio invalido ou não publicado.