Maricá já vacina contra gripe

Divulgação

Divulgação

Começou nesta terça-feira (24/04) a campanha nacional de vacinação contra a influenza nas 32 unidades de saúde de Maricá. O atendimento acontece de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h. A campanha segue até o dia 01/06 e o Dia D será no dia 12 de maio, quando ocorre a mobilização nacional.

A vacina tem a possibilidade de proteger contra três tipos de vírus da gripe: o Influenza A, nas variações H1N1 e H3N2 e Influenza B. De acordo com a Secretaria de Saúde, a meta preconizada pelo Ministério da Saúde é imunizar gratuitamente 90% do público-alvo que é composto por idosos com 60 anos ou mais; crianças de seis meses a cinco anos; gestantes em qualquer idade, puérperas (mulheres que tiveram filhos nos últimos 45 dias); trabalhadores da área de saúde; professores das redes pública e privada; indígenas; portadores de doenças crônicas não transmissíveis; pessoas privadas de liberdade (incluindo adolescentes cumprindo medidas socioeducativas) e profissionais do sistema prisional. Ainda segundo a secretaria, a contraindicação da vacina é para quem tem alergia severa a ovo.

A influenza é uma doença respiratória infecciosa que pode levar a pessoa a ter complicações e pode matar, principalmente os indivíduos que se encontram no grupo prioritário, que é de alto risco, e que ainda não estejam imunizados. Equipes de vigilância da Secretaria Estadual de Saúde (SES) monitoram os casos de pacientes hospitalizados e óbitos decorrentes da doença com o objetivo de identificar o comportamento do vírus, mas é preciso também o cuidado da população para evitar a propagação da doença.

Este ano, até 16 de abril, foram notificados 167 casos confirmados de Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG) em pacientes internados em Unidade de Terapia Intensiva (UTI) no estado, sendo 4 deles causados pelo vírus H1N1 e 13 provocados pelo vírus H3N2. No mesmo período foram notificados 18 óbitos por SRAG no estado, sendo 1 por H3N2, segundo informou a SES.

 

Notícias Relacionadas