Rio de Janeiro,

sábado, setembro 18, 2021
spot_imgspot_img

Leia a nossa última edição #40

Maricá: manifestação atrapalha trânsito e caminhoneiros são ameaçados

Mais lidas

Quem passou nesta quinta (09) pela Rodovia Amaral Peixoto, entre os km 12 e 13, precisou ter paciência. Alguns poucos caminhoneiros fizeram uma manifestação na altura do Calaboca em ambos os sentidos. O trecho é tido como a principal entrada e saída da cidade.

Agentes da Polícia Militar, com a 6° CIA (Maricá) do 12° BPM (Niterói), com o Batalhão de Polícia Rodoviária e com o Proeis Maricá, estiveram no local durante o ato. Entretanto, outros caminhoneiros denunciam que foram coagidos a parar no acostamento pela organização do evento.

“Tentei passar e seguir para casa, mas ameaçaram jogar pedregulhos no meu para-brisas. Fui obrigado a parar. Também sou apoiador do presidente Bolsonaro, mas não concordo com esse tipo de prática”, contou um caminhoneiro morador de Inoã que não quis ser identificado.

Outro motorista de caminhão – que também pediu para não ser identificado – temia perder a diária de trabalho. “Estou parado aqui há quase duas horas. Vou perder minha diária. Já está tudo muito difícil, não dá para perder dinheiro”, afirmou.

Congestionamento – Uma verdadeira lentidão se formou no local. No sentido Niterói, o congestionamento chegou a um quilômetro. A situação ficou mais tensa no sentido Maricá. Uma lentidão de aproximadamente três quilômetros se formou por conta da manifestação de caminhoneiros.

spot_img
spot_img

Últimas noticias