spot_imgspot_img

Leia a nossa última edição #73

spot_img
spot_imgspot_img

Maricá: moradores de condomínio em São José denunciam falta de energia há 48 horas

spot_imgspot_img

Mais lidas

Os moradores do Condomínio Pedra Bonita I, em São José do Imbassaí, estão desde quarta-feira (10), por volta das 20h, sem energia elétrica. Ao todo, são 95 lotes / residências sem luz.

Uma moradora, que não vai ser identificada, já entrou em contato com a Enel Distribuição Rio – concessionária responsável pela distribuição de energia – diversas vezes. “A Enel, até agora, nada. Cada dia que a gente liga eles dão um prazo diferente. Está difícil, não estamos conseguindo retorno”, contou.

Apenas uma rua do condomínio, com cerca de oito lotes / residências, possui energia elétrica normalmente. “Cada vez que a gente liga para a Enel, o atendente dá uma previsão diferente. Mas não dão nenhuma justificativa ou informação por qual motivo está sem energia”, disse a moradora.

Mais locais – Ruas de Itaipuaçu, quarto distrito de Maricá, também estão no escuro há dois dias. A falta de energia atinge localidades como Jardim Atlântico / Barroco, São Bento da Lagoa e Recanto.

“Alimentos que estavam na geladeira já estragaram. Já está tudo muito caro e a gente ainda fica perdendo… Está muito difícil”, disse uma jovem de 24 anos ouvida pela reportagem, que tem passado mais tempo no trabalho por conta da falta de luz em casa.

Procurada, a Enel Distribuição Rio não respondeu aos questionamentos da reportagem até o fechamento dessa reportagem. Entretanto, nota divulgada no site da empresa nesta quinta (11) justificou a falta de energia em diversas regiões do estado.

“O ciclone que atinge o Estado desde a noite de ontem (10), com rajadas de ventos superiores a 70 Km/h, afetou o fornecimento de energia em algumas regiões, como Lagos, Costa Verde e o município de Niterói”, diz o texto.

Segundo a Enel, “equipes [atuam] nos locais mais impactados para recuperar os trechos danificados da rede elétrica e restabelecer o serviço a todos os clientes”, concluiu.

spot_imgspot_img
spot_imgspot_img
spot_imgspot_img
spot_imgspot_img
spot_imgspot_img

Últimas notícias

spot_imgspot_img
spot_imgspot_img
spot_imgspot_img