Rio de Janeiro,

quinta-feira, setembro 23, 2021
spot_imgspot_img

Leia a nossa última edição #40

Maricá pode receber 25 mil doses da vacina Sputnik V em 15 dias

Mais lidas

Após o prefeito de Maricá, Fabiano Horta, anunciar a assinatura do contrato de aquisição de 500 mil doses da vacina russa Sputnik V, a expectativa agora é pela chegada do 1º lote, previsto para daqui a 15 dias.

De acordo com Celso Pansera, presidente do Instituto de Ciência, Tecnologia e Inovação de Maricá (Ictim), com o recebimento destas doses e com as vacinas que estão em estoque, a cidade terá potencial para imunizar até a faixa etária de 60 anos. Já o prefeito Fabiano Horta declarou na última sexta-feira (19) que a expectativa é conseguir vacinar toda a população de Maricá entre quatro e seis meses.

De acordo com a secretária de Saúde, Simone Costa, a prefeitura está acompanhando o processo para liberação do uso da vacina.

“Há essa possibilidade, mas estamos acompanhando o processo de liberação pela Anvisa. Caso a vacina tenha autorização e a cidade receba esse lote, seguiremos o Plano de Imunização Nacional (PNI), com grupos prioritários”, disse.

Entrave

O recebimento da vacina pode esbarrar na falta de autorização de uso emergencial que é concedida pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa). A União Química entrou com o pedido de autorização emergencial de uso na Anvisa no dia 15 de janeiro, e tem até o dia 16 de maio para enviar as informações complementares, quando acaba o prazo de 120 dias para fornecimento de dados no processo.

Eficácia

Desenvolvida pelo laboratório Gamaleya, a Sputnik V alcançou eficácia de 91,6%. A vacina, que é aplicada em duas doses, já foi aprovada em 52 países. Segundo a fabricante, cada dose custa menos de dez dólares.

spot_img
spot_img

Últimas noticias