Maricá registra queda nos índices de criminalidade

Divulgação
Divulgação

O Instituto de Segurança Pública do Estado do Rio de Janeiro divulgou dados dos indicadores de violência na cidade de Maricá, referentes ao mês de fevereiro. Crimes como homicídios, roubo a transeuntes, roubos a veículos e roubo a residência apresentaram queda. O único indicador que apresentou alta significativa foi estelionato. 

Segundo o instituto, foram cinco casos de homicídios registrados no mês de fevereiro deste ano, contra oito no mesmo período de 2018. Nos dois primeiros meses de 2019 foram 13 casos contra 14 do ano passado, uma redução de 7,14%.

Os registros referentes aos roubos a transeuntes apresentaram 44 registros contra 55 do mesmo período de 2018. No primeiro bimestre do ano passado foram 130 casos contra 74 em 2019, o que mostra uma redução de 43,07%.

No caso de roubos a residência o número de registro em fevereiro deste ano e do ano passado foi o mesmo, quatro. No bimestre foram 13 registros em 2018 e apenas cinco no mesmo período deste ano, uma redução de 61,5%.

Os roubos de veículos, indicador apontado pelas forças de segurança como um dos mais preocupantes, também apresentou queda. Em fevereiro de 2018 foram registrados 31 casos e no mesmo período deste ano apenas 13. O comparativo realizado no primeiro bimestre de 2018 e 2019 mostrou redução de 58%, foram 50 casos no ano passado contra 31 deste ano.

Já o indicador que apresentou alta foi o estelionato. No mês de fevereiro de 2018 foram registrados 12 casos e neste ano, no mesmo período, foram 33. No bimestre foram 27 registros em 2018 e 64 no mesmo período deste ano, uma alta de 137%.

Sobre os casos de estelionato, a Dra. Carla Tavares, delegada titular da 82ªDP (Maricá) informou que a alta está relacionada com o reconhecimento de criminosos, o que levou vítimas a delegacia para confeccionar novos registros.

Notícias Relacionadas