Mercado erótico cresceu 12% durante a pandemia

Entre todos os setores que apresentaram crescimento em 2020 durante a pandemia, o mercado erótico teve aumento de 12%, segundo os dados da Associação Brasileira de Empresas do Mercado Erótico. No último ano, o setor faturou R$2 bilhões. As vendas através de aplicativos de mensagens e redes sociais foram responsáveis por 90% das compras.

Com o objetivo de conseguir manter o prazer sexual de forma segura, muitas pessoas decidiram recorrer aos ‘brinquedos eróticos’ e outras investiram em cosméticos sensuais e fantasias para apimentar o relacionamento e não deixar que o isolamento esfriasse o cotidiano do casal.

De acordo com o portal Mercado Erótico, entre março e agosto, a venda de vibradores teve um crescimento de 50%. Em cerca de três meses, aproximadamente 1 milhão de unidades foram vendidas aqui no Brasil. O setor em geral teve um crescimento de 12%

“Antigamente as pessoas tinham receio de comprar em sex shop, tinham vergonha, achavam que estavam fazendo algo de errado”, explica Stephanie Seitz, diretora da INTT Cosméticos.

Notícias Relacionadas