Morre delegado da 82° DP, Dr. Júlio César Mulatinho Neto, vítima da Covid-19

Faleceu na tarde desta sexta (21) o delegado titular da 82° DP – Maricá, dr. Júlio César Mulatinho Neto, de 74 anos. Ele estava internado no Hospital Municipal Dr. Ernesto Che Guevara, em São José do Imbassaí.

Dr. Mulatinho, como era carinhosamente conhecido, foi diagnosticado com a doença no mês de abril. Por conta da idade avançada, acabou desenvolvendo uma das formas mais graves da doença e precisou ser internado em um leito de tratamento intensivo. Chegou a apresentar uma melhora na última semana e passou por uma traqueostomia, mas o quadro acabou se agravando.

LEIA MAIS: Dr. Julio César Mulatinho será sepultado neste sábado (22)

Thiago Lessa, chefe da 82° DP, lamentou a morte do amigo. “A equipe da 82ª DP agradece a todos pelas orações, preces e forças pela melhora do delegado. Agradecemos pelo privilégio de termos trabalhado com esse profissional exemplar. Mulatinho deixa um legado de competência, empenho e profissionalismo. Lembraremos de sua contribuição pela segurança da cidade e estamos levando a sua lembrança em todas nossas ações”, disse.

Julio Cesar Mulatinho Neto estava em sua segunda passagem como Titular da 82° DP. Ele havia assumido pela primeira vez a distrital em 2013 e foi transferido em maio de 2017. Em julho de 2019, deu início a sua segunda gestão. Uma nova transferência chegou a ser publicada, mas foi anulada no dia seguinte, e o delegado permaneceu na unidade.

Em nota, a Secretaria de Estado de Polícia Civil lamentou a morte do delegado. “Aos familiares e amigos de profissão prestamos solidariedade a este profissional que dedicou anos de trabalho em nome da Polícia Civil. A Sepol também ressalta a importância da vacinação dos agentes de segurança para prevenir e evitar o contágio e a disseminação da doença”, diz o texto.

Repercussão – O presidente da Câmara de Maricá, vereador Aldair de Linda, lamentou a morte do delegado. “É com pesar que recebi a informação do falecimento do nosso querido amigo e delegado Júlio César Mulatinho. Lamento profundamente que o Covid-19 tenha levado mais uma vida. Mulatinho deixou um legado de ótimos serviços prestados à frente da delegacia de Maricá. Sempre muito correto e gentil, nosso delegado prestou um serviço de excelência”, publicou nas redes sociais.

Notícias Relacionadas