Muro de obra cai e mata operário no Ingá, em Niterói

Foto: Via WhatsApp OFLU
Foto: Via WhatsApp OFLU

Morreu a caminho do hospital o operário Renato Magalhães, de 33 anos. A informação foi confirmada pela Secretaria Estadual de Saúde do Rio de Janeiro na tarde desta segunda-feira. Ele foi soterrado depois que o muro de uma obra onde trabalhava desabou na Rua Dr. Paulo Alves, no Ingá, na manhã desta segunda-feira (05). O Corpo de Bombeiros prestou os primeiros socorros e encaminhou a vítima para o Hospital Estadual Azevedo Lima. A Defesa Civil já está no local para avaliar se há risco de algum desabamento.

Durante a demolição, trabalhavam cinco funcionários, mas apenas um foi atingido pelo muro. A Defesa Civil de Niterói interditou a obra até que os responsáveis apresentem a documentação necessária.

A Prefeitura de Niterói informou que a Defesa Civil interditou a obra particular na esquina da Rua Tiradentes com Rua Doutor Paulo Alves, no Ingá, até que os responsáveis apresentem a documentação necessária. 

Em janeiro deste ano, um operário foi soterrado por um bloco de concreto que caiu durante a obra na Rua Tavares de Macedo, em Icaraí, na Zona Sul de Niterói. A vítima, identificada como Luciano Mendonça de Tavares, de 18 anos, estava escavando o solo quando o concreto caiu sobre seu corpo deixando apenas a parte da cabeça para fora. Ele foi resgatado por homens do Corpo e Bombeiros e encaminhado para o Hospital Estadual Alberto Torres.

 

Notícias Relacionadas