Rio de Janeiro,

sexta-feira, setembro 17, 2021
spot_imgspot_img

Leia a nossa última edição #40

Niterói promove live para comemorar o dia do Estudante

Mais lidas

O Dia do Estudante, celebrado nesta quarta-feira, 11 de agosto, será comemorado com uma live “Participação Estudantil e o Fortalecimento da Educação Básica”, a partir das 19h, no Facebook Educação Niterói.

A ação tem como objetivo reforçar a importância da participação dos estudantes no processo de democratização das escolas brasileiras e incentivar a criação de grêmios estudantis nas unidades da rede.

Os convidados para debater o tema são Eduardo Oliveira, coordenador de Juventude de Niterói, Hugo Silva, vice-presidente da União Brasileira de Estudantes Secundaristas (Ubes/RJ) e diretor da União Estadual dos Estudantes Secundaristas do Rio de Janeiro (Uees/RJ), Victor Hugo Silva, vice-presidente da União Niteroiense de Estudantes Secundaristas (Unes) e Ayane Souza, tesoureira da Uees/RJ. A abertura será do secretário municipal de Educação, Vinicius Wu, e a mediação ficará sob responsabilidade do subsecretário de Projetos Transversais, Cooperação e Articulação Institucional, Thiago Risso, que fizeram parte de movimentos estudantis durante a adolescência e juventude.

“Os grêmios estudantis são instrumentos importantíssimos para a garantia da participação dos estudantes na condução das políticas educacionais. Estimular a organização estudantil e incentivar sua presença ativa na gestão escolar é um passo imprescindível para a construção de uma escola verdadeiramente democrática”, afirma o secretário Vinicius Wu.

Um dos objetivos da live é estimular o envolvimento dos estudantes nas tomadas de decisões no espaço escolar, bem como o engajamento na luta em favor dos direitos que garantam a cidadania.  O encontro vai debater a importância de se garantir uma maior presença e representatividade, combatendo a desmobilização dos movimentos estudantis.

“As escolas possuem um papel fundamental na formação de sujeitos. A participação estudantil é um importante instrumento de protagonismo juvenil e construção de uma escola participativa, autônoma e transformadora. Os movimentos estudantis possuem um histórico de luta pela valorização da educação pública, garantia da liberdade, defesa da democracia e combate às desigualdades sociais.”, cita o subsecretário Thiago Risso.

Para o coordenador de Juventude de Niterói, Eduardo Oliveira, a luta dos jovens é parte essencial na conquista de direitos sociais, como comprovado historicamente no país.

“Esse espaço de construção e debate com a juventude da cidade sobre os movimentos estudantis é muito importante pois a luta dos jovens faz parte da história e da construção democrática do nosso país. Muitas conquistas se devem às ações de estudantes nas ruas, nas escolas e nos espaços públicos”, afirma.  

spot_img
spot_img

Últimas noticias