Rio de Janeiro,

segunda-feira, julho 26, 2021
spot_img

Leia a nossa última edição #38

Pandemia e período de férias aumentaram abandono de animais

Mais lidas

A campanha Dezembro Verde vai alertar a população sobre as graves consequências do abandono de animais e fomentar a guarda responsável dos bichinhos, geralmente cães e gatos que vagam nas ruas, após serem abandonados por seus tutores.

Abandonar ou maltratar animais é crime previsto em lei e teve sua pena modificada em setembro, onde a detenção que era de até um ano para até cinco anos para quem cometer este crime. Além disso, o rito processual passa à vara criminal, não mais ao juizado especial.

A escolha deste mês para a campanha está relacionada ao fato de que, neste período do ano, os casos de abandono aumentam de forma expressiva.

“Acontece de famílias deixarem seus animais nas ruas, isentando-se da responsabilidade quando vão se ausentar para as viagens de férias e festas de fim de ano”, alerta a médica-veterinária Cristiane Pizzutto, presidente da Comissão Técnica de Bem-estar Animal (CTBEA) do CRMV-SP.

Mas, a pandemia também ajudou a aumentar esse número. Houve um aumento do número de abandono no início da pandemia, onde as pessoas ficaram com medo de que os animais pudessem transmitir o coronavírus, por causa de algumas notícias sensacionalistas.

Outro fator do abandono é por questões financeiras, abandono por conta da crise socioeconômica que leva as pessoas a mudarem de casa, de estado, perdendo seus empregos, afetando muitas pessoas que abandonaram os animais por conta desta questão.

spot_img

Últimas noticias