Polícia estoura fábrica clandestina de carne seca em Itaboraí

Policiais da Delegacia do Consumidor (DECON) estouraram uma fábrica clandestina de carne seca no município de Itaboraí. A ação ocorreu na manhã desta quarta-feira (05) após informações recebidas pelo Disque Denúncia e terminou com a apreensão de 7,5 toneladas de carne imprópria para consumo e na prisão do suposto proprietário da fábrica.

De acordo com a polícia, o produto que ostentava o logo “Charque Lagos” era vendido por atacado para supermercados e grandes redes varejistas na Região dos Lagos e Capital do Rio. A fábrica não apresentava condições mínimas de higiene, não tinha licença sanitária, alvará de funcionamento e usava selo falso da secretaria de agricultura na embalagem dos produtos.

Ainda segundo os investigadores, a fábrica não tinha qualquer documentação para funcionamento e estava em péssimas condições de higiene. As carnes ficavam expostas em tonéis sujos, misturadas com produtos químicos e sem controle.

A origem da carne vendida ainda é desconhecida. As investigações seguirão para identificar os compradores dos produtos.

 

Notícias Relacionadas

 

 

 

 

 

 

 

ID do anuncio invalido ou não publicado.