Policial civil é baleado na RJ-106 e socorrido para a UPA de Inoã

Fonte: Google

Fonte: Google

Após troca de tiros, um policial civil foi baleado na noite desta terça-feira (16/10), ao reagir a um assalto na Rodovia Amaral Peixoto (RJ-106), na altura do bairro Várzea das Moças, por volta das 23h30, na pista sentido Maricá. De acordo com a polícia, o veículo do policial apresentou um problema mecânico e precisou ficar parado na via. Instantes depois, dois homens surgiram em uma moto e anunciaram o assalto. Houve troca de tiros. Um dos bandidos também foi baleado e acabou fugindo, ferido, com o comparsa. O agente foi socorrido e encaminhado para o Hospital Estadual Alberto Torres (Heat), no Colubandê.

De acordo com a polícia, o agente estava na companhia da esposa e da filha mais velha, que por sorte não se feriram no tiroteio. Um dos disparos perfurou o braço esquerdo do policial e atingiu o peito dele. Mesmo ferido, ele conseguiu parar um ônibus para pedir socorro.

O veículo do agente, um Renault Duster prata, foi atingido por pelo menos cinco tiros que perfuraram para-brisa, capô e também o encosto do banco traseiro.

Segundo a polícia, o motorista do ônibus levou o policial baleado e a família dele para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Inoã, em Maricá. De lá, ele foi transferido para o Hospital Estadual Alberto Torres. A filha do policial fez um publicação em seu perfil no Facebook, lamentando o ocorrido.  “Só agradecer a Deus pelo livramento, dia em que nascemos de novo!!! Deus é maravilhoso. Já deu tudo certo pai”, dizia postagem.

O caso foi registrado na 75ª DP (Rio do Ouro). A assessoria de imprensa da Polícia Civil informou em nota que “uma equipe foi até o hospital para tentar ouvir a vítima e obter informações que ajudem a polícia a identificar a autoria do crime”.

Notícias Relacionadas