spot_imgspot_img

Leia a nossa última edição #72

spot_img
spot_imgspot_img

Procon registra aumento nas reclamações relacionadas ao setor de entregas

spot_imgspot_img

Mais lidas

O Procon-RJ registrou, no período de 27 de fevereiro a 15 de junho deste ano, 17.269 demandas, um aumento de 50,32%.

Com o aumento das compras online, o setor de entregas passou a liderar o ranking das demandas que mais aumentaram na pandemia, seguido dos setores de turismo e viagens, reclamações relacionadas aos equipamentos de proteção individual, como álcool em gel, luvas e máscaras, seguido, imediatamente, das questões relacionadas ao aumento abusivo de preços de alimentos e EPI. O Procon também identificou que as reclamações sobre as mensalidades de instituições de ensino também vigoram no topo.

Estas ações iniciaram um ciclo de estudo dos problemas citados, através da equipe de pesquisa, e uma maior atuação da equipe de fiscalização em  todo o Estado do Rio de Janeiro, como região metropolitana, baixada fluminense, região serrana, região norte, costa verde e também outros municípios.

As reclamações e denúncias crescentes resultaram em mais de 831 notificações de empresas dos setores mais demandados, gerando autuações, atos e abertura de processos administrativos. Como destaque na atuação da Autarquia, as ações contra os Correios, através do ato de investigação preliminar instaurado contra a empresa para apurar denúncias e reclamações sobre falha na qualidade dos serviços prestados.

O presidente da autarquia, Cássio Coelho, disse que o Procon esta pronto para dar encaminhamento aos processos, buscando a resolução dos conflitos e mantendo a qualidades das relações consumeristas, além de aprimorar os serviços online criados, entendendo que esta é a nova realidade.

spot_imgspot_img
spot_imgspot_img
spot_imgspot_img
spot_imgspot_img
spot_imgspot_img

Últimas notícias

spot_imgspot_img
spot_imgspot_img
spot_imgspot_img