Projeto irá propor poupança de R$ 1,8 mil por ano para estudantes da rede de ensino de Maricá

O presidente da Câmara de Vereadores, Aldair de Linda (PT), recebeu o Secretário de Economia Solidária, Diego Zeidan, nesta terça-feira (21/11), em seu gabinete para discutir melhorias no sistema da Moeda Social Mumbuca. Diego Zeidan informou ao presidente da Câmara que o Executivo vai enviar um projeto de lei para ser analisado pelos vereadores. A proposta prevê que sejam depositados R$ 50 por mês na conta poupança dos alunos da rede municipal de ensino e mais R$ 1.200 no final do ano para aqueles que completarem o ano escolar. O objetivo é inibir a evasão escolar, mantendo os estudantes em sala de aula.

O objetivo do programa Cartão Mumbuca Jovem é incentivar o Ensino Superior para estudantes da rede municipal. Vale ressaltar que o benefício será concedido apenas aos alunos que tiverem 75% das aulas presentes. 

O programa passará por uma reformulação e modernização do sistema que opera os créditos. Com a atualização, os usuários poderão pagar contas, fazer consultas de saldo e extrato, receber e fazer transferências através do celular. Para utilizar, está sendo criado um aplicativo e basta o beneficiário se cadastrar.

A Prefeitura de Maricá iniciou nesta terça o recadastramento dos cartões dos beneficiários de todos os programas sociais: Renda Básica de Cidadania, Renda Mínima Mumbuca, Jovem Solidário e Bolsa Gestante. Até a próxima sexta-feira (24/11), podem fazer a atualização os beneficiários que tenham o nome começado pelas letras X, Y e Z.

 

“Dois benefícios incríveis para a população maricaense. É importante ver nossa cidade andando, se desenvolvendo. Acredito que esse projeto será muito bem visto pelos vereadores, principalmente, porque incentiva diretamente a Educação e o desenvolvimento”, explicou Aldair.

Notícias Relacionadas