Rio de Janeiro,

sábado, setembro 18, 2021
spot_imgspot_img

Leia a nossa última edição #40

Réu por feminicídio no Plaza Shopping- Niterói vai a júri popular

Mais lidas

O juízo da 3ª Vara Criminal de Niterói decidiu que Matheus dos Santos da Silva, acusado de feminicídio, será submetido a júri popular.

Matheus é acusado de assassinar a facadas a jovem Vitórya Melissa Mota, no dia 2 de junho, na praça de alimentação do shopping. A sentença foi dada pela juíza Nearis dos Santos Arce logo após a audiência de instrução e julgamento realizada na segunda-feira (2).

Matheus e Vitórya frequentavam a mesma turma de um curso técnico de enfermagem, no Senac, no Centro de Niterói. Segundo depoimentos de amigos, Matheus era apaixonado pela jovem mas não era correspondido.

“Julgo admissível a pretensão deduzida na denúncia para pronunciar o acusado Matheus dos Santos da Silva, pela prática do delito previsto no Código Penal, ou seja, o feminicídio com outras três qualificadoras, tendo como vítima Vitórya Melissa Mota”, disse a juíza.

Na decisão, a juíza também determinou que o réu continue preso como garantia da ordem pública. Matheus permaneceu em silêncio no momento de ser interrogado, por orientação de sua defesa. Após o anúncio da sentença de pronúncia, o Ministério Público e a defesa do réu informaram que não irão recorrer da decisão.

Durante a audiência, prestaram depoimento sete testemunhas relacionadas pelo Ministério Público do Rio, e outras seis, indicadas pela defesa do acusado, além de Márcia Maria Mota, mãe de Vitórya, como testemunha do juízo.

spot_img
spot_img

Últimas noticias