Reunião em Itaipuaçu promete esclarecer pontos sobre implantação do Porto de Jaconé

Nesta quinta-feira (2408) será a vez da população de Itaipuaçu tirar suas dúvidas sobre a implantação do Porto de Jaconé – Geração de emprego e desenvolvimento da região. A reunião acontecerá na Galeteria e Pizzaria Bahia, que fica na Avenida Zumbi dos Palmares (antiga Av 1), próximo ao antigo DPO do Barroco. A reunião é aberta ao público.

A ideia é esclarecer pontos e tirar dúvidas da população quanto à implantação do porto. A expectativa é que a construção do terminal possa gerar mais de 10 mil empregos diretos, movimentando toda cadeia da indústria naval e elevando Maricá.

Moradores e comerciantes de Jaconé, próximos ao local onde o porto será construído o porto, realizaram manifestação no mês passado pedindo pela implantação do terminal. Eles reconhecem que o porto pode alavancar a economia local, gerando emprego e renda levando melhorias para a região. No Encontro da Cidade ocorrido no início deste mês, especialistas debateram a necessidade emergencial de implantar o porto na cidade. Para eles, o crescimento de Maricá será exponencial. O Departamento de Recursos Minerais (DRM) órgão do Estado que estuda e protege os recursos naturais, já indicou que o porto não causa nenhum dano direto às formações rochosas e ao ambiente.

Um abaixo-assinado foi organizado por moradores da região a favor do empreendimento. Na apresentação, a petição online reforça que o porto é a oportunidade de um futuro melhor para a população. O manifesto lembra que a construção do terminal portuário prevê a capacitação de trabalhadores, além de ofertar empregos incentivar o turismo, a infraestrutura da região e o comércio da cidade.

Para assinar a petição online, basta clicar no link abaixo:

Jaconé – Porto Sim! Clique aqui!

Notícias Relacionadas