spot_imgspot_img

Leia a nossa última edição #72

spot_img
spot_imgspot_img

Revisão de pena de Flordelis é negada; réus terão novo Tribunal do Júri

spot_imgspot_img

Mais lidas

A 2ª Câmara Criminal do Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro negou os recursos de revisão de pena de Flordelis, Simone dos Santos Rodrigues, Adriano dos Santos Rodrigues (filhos biológicos) e Carlos Ubiraci Francisco da Silva (filho afetivo). Com isso, as condenações foram mantidas e os quatro seguem presos cumprindo a pena.

A Justiça também decidiu que Rayane dos Santos (neta biológica), Marzy Teixeira e André Luiz de Oliveira (filhos adotivos) – que haviam sido inocentados – terão que passar por um novo julgamento no Tribunal do Júri.

Para os desembargadores, a decisão proferida em novembro de 2022 foram contrárias às provas apresentadas nos autos do processo pela Polícia Civil, que aponta envolvimento de Rayane, Marzy e André Luiz na morte do pastor Anderson do Carmo.

Flordelis foi condenada a 50 anos de prisão pela morte do marido. A ex-parlamentar foi considerada culpada por homicídio triplamente qualificado, tentativa de homicídio duplamente qualificado, uso de documento falso e associação criminosa armada.

Já Simone foi condenada por condenada a 31 anos e 4 meses de prisão por homicídio triplamente qualificado, tentativa de homicídio duplamente qualificado e associação criminosa armada.

O pastor Anderson do Carmo foi morto em junho de 2019.

spot_imgspot_img
spot_imgspot_img
spot_imgspot_img
spot_imgspot_img
spot_imgspot_img

Últimas notícias

spot_imgspot_img
spot_imgspot_img
spot_imgspot_img