Rio tem primeiro PM morto de 2018 em São Gonçalo

Foto: O Flu

Foto: O Flu

O policial militar Ivanderson da Silva Pinheiro, de 37 anos, que era lotado no 7º BPM (São Gonçalo), morreu na manhã desta quarta-feira, após ser atingido por um tiro na nuca, durante uma tentativa de assalto, na Avenida Paula Lemos, Mutuá, São Gonçalo. 

Segundo as investigações, Ivanderson e um outro policial, lotado na Unidade de Polícia Pacificadora (UPP) do Caju, no Rio, seguiam pela via quando foram fechados por um veículo, modelo S10. Os criminosos efetuaram disparos contra os agentes, e um deles atingiu o soldado do 7º BPM.

Nesse momento, Ivanderson perdeu o controle do veículo e capotou. O outro policial conseguiu se abrigar e pedir ajuda de colegas. O caso será investigado pela Divisão de Homicídios de Niterói, São Gonçalo e Itaboraí (DHNISG).

Um ônibus da linha 515, no momento em que estava saindo, acabou sendo atingido duas vezes durante a troca de tiros. Ninguém ficou ferido. Agentes da Divisão de Homicídios estão no local.

Este é o primeiro policial morto no Rio de Janeiro em 2018.

Notícias Relacionadas