Saquarema vai receber nova fábrica no polo industrial

Foto: Divulgação

Foto: Divulgação

Geração de emprego e renda. Esta é uma das políticas municipais para o desenvolvimento de Saquarema. Para isto, a Prefeitura Municipal vem apoiando o Polo de Desenvolvimento Econômico de Sampaio Corrêa, diversificando ainda mais as atividades econômicas do município.

Na última quarta-feira, dia 16/03, a Prefeita Manoela Peres recebeu em seu gabinete representantes da Chateau Indústria Plástica. A empresa, que produz matéria prima para produtos plásticos, já iniciou as obras no Polo de Sampaio Corrêa e tem prazo de 2 meses para início de operação, gerando até 30 empregos.

Segundo as sócias Paula Bernardes e Denir Bernardes, a vinda para Saquarema surgiu com a necessidade de espaço para ampliação da empresa. O Polo de Desenvolvimento Econômico de Sampaio Correia foi o lugar ideal pela aproximação com a Capital do estado e a facilidade de acesso a rodovias importantes, além do rápido trâmite para legalização e instalação da empresa na cidade.

De acordo com a Prefeita Manoela Peres, a vinda de novas fábricas para o município diversifica, ainda mais, as características econômicas de Saquarema: “Saquarema é conhecida nacionalmente pelo seu potencial turístico. Estamos trabalhando para diversificar ainda mais nossa vocação econômica, investindo na instalação de novas fábricas e empresas, no apoio ao pequeno agricultor e no fortalecimento do comércio local”.

 

Polo é destaque na geração de empregos

 

Com uma área de 950 mil metros quadrados, o polo está localizado às margens da RJ 106, a Rodovia Amaral Peixoto, no distrito de Sampaio Corrêa. Há pouco mais de 80 quilômetros da Capital do estado, o polo possui fácil acesso a rodovias importantes para o escoamento da produção, como as RJs 102, 104, 116, 118, 124 e as rodovias federais BRs 040, 101 e 116.

Atualmente, o local conta com 16 empresas de diversos ramos, como envasamento de azeite, indústrias de material plástico, papelão, ferro e alumínio, além de gráfica e fábrica de artefatos de cimento, gerando 420 empregos diretos.

Para os próximos meses, mais 5 empreendimentos iniciarão suas atividades, criando no mínimo mais 100 vagas diretas no complexo. Estas novas empresas produzirão produtos plásticos, cordoarias e alimentícios, como doces e sorvetes. Há, ainda, a expectativa de ampliação do Polo, abrindo mais vagas para viabilizar a chegada de novas indústrias e empresas.

A chegada destes novos empreendimentos foi possível após a Prefeitura de Saquarema retomar terrenos que foram cedidos às empresas que não efetivaram a instalação e o início da operação. No âmbito municipal, as empresas são isentas de taxas do pagamento de tributos, inclusive IPTU e licenciamento, pelo prazo de 10 anos, segundo a Lei Municipal 1.024, de 29 de outubro de 2009.

Segundo dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados – CAGED – do Ministério do Trabalho e Emprego, o município de Saquarema teve um saldo positivo na geração de empregos no último semestre de 2017. Para 2018, o Ministério ainda não divulgou dados e estimativas de empregos no país.

 

Processo para instalação tramita rapidamente 

 

Para que uma empresa possa se instalar no Polo de Desenvolvimento Econômico de Sampaio Correia, os responsáveis devem abrir um processo administrativo na Prefeitura de Saquarema, demonstrando o interesse de iniciar operações no município. Os trâmites processuais duram, em média, 90 dias até a aprovação final. Após a assinatura do contrato, os responsáveis pela empresa deverão iniciar as obras em até 180 dias, com prazo para término das intervenções em até 2 anos. 

Vale salientar que a Prefeitura de Saquarema efetuou o registro da área do Polo Industrial no Cartório de Registro Geral de Imóveis. Isto permite ao empreendedor, caso haja interesse, a futura compra do imóvel utilizado por ele nas dependências do polo

Notícias Relacionadas