spot_imgspot_img

Leia a nossa última edição #72

spot_img
spot_imgspot_img

Secretário estadual de Agricultura vê projeto de Maricá como “case de sucesso”

spot_imgspot_img

Mais lidas

“É um projeto mega inovador e acho que isso pode ser reproduzido em outras cidades como ‘case’ de sucesso”; ao conhecer o projeto “Maricá um Pomar”, foi essa a análise feita pelo Secretário de Estado de Agricultura, Pecuária, Pesca e Abastecimento Marcelo Queiroz. Ele esteve em Maricá nesta terça (28) e visitou diversos pontos da cidade para conhecer esse e outros projetos desenvolvidos pela Secretaria Municipal de Agricultura, Pecuária, Pesca.

A primeira parada foi na Avenida Prefeito Alcebíades Mendes, em São José do Imbassaí. Lá é o segundo ponto da cidade a receber o projeto, que consiste em plantar mudas de árvores frutíferas nas vias públicas. O primeiro local da cidade a receber foi Araçatiba. Nesse novo ponto, a ideia é plantar aproximadamente 500 árvores frutíferas como laranja, limão, tangerina, acerola e pitanga.

Além de contribuir com o meio ambiente, o projeto incute nos estudantes da rede municipal de ensino uma lição de preservação. “Convido os alunos para participarem dos plantios porque cada um já adota uma árvore e passa a ser o guardião dessas frutíferas. Então, essa educação com plantio e alimentação é muito importante”, analisa Julio Carolino, secretário municipal da pasta. “São ações como essas que unem o meio rural com o meio urbano de uma forma bem mais emocionante”, acredita Marcelo Queiroz.

Polo agricultor – Outros pontos da cidade foram visitados pelo secretário estadual. Ao perceber as potencialidades que Maricá tem, Marcelo acredita que o município precisa servir de exemplo para os outros locais. “Maricá está se tornando um grande polo de agricultura de uma forma diferenciada, explorando o turismo rural e o alimento orgânico”, analisou Queiroz. “O valor agregado do produto é o grande diferencial para a cidade dar certo na agricultura”, completou.

Queiroz conheceu as dependências da sede municipal da secretaria, em Ubatiba, onde funcionará também a fábrica de desidratados, além da Fazenda Ibiaci, no Espraiado, em que conheceu os aposentos, experimentou carne de jaca e colheu aipim junto com os agricultores incentivados pela Prefeitura.

spot_imgspot_img
spot_imgspot_img
spot_imgspot_img
spot_imgspot_img
spot_imgspot_img

Últimas notícias

spot_imgspot_img
spot_imgspot_img
spot_imgspot_img