Ex-deputado Paulo Melo irá cumprir prisão domiciliar

O ex-deputado Paulo Melo foi solto, nesta sexta-feira (20), beneficiou de uma decisão que liberou por 30 dias mais de dois mil presos que realizavam trabalho extramuros e agora estão dispensados de voltar à prisão por 30 dias.

Além disso, o ex-parlamentar apresentou um quadro gripal, mas segundo os advogados, sem os sintomas do coronavírus.

Há um ano, Paulo Melo foi condenado a 12 anos e 10 meses de prisão por corrupção passiva e organização criminosa.

Paulo Melo foi preso na Lava Jato e cumpria prisão em regime semiaberto no Batalhão Especial Prisional (BEM) da Polícia Militar (PM), em Niterói.

 

Notícias Relacionadas

 

 

 

 

 

 

 

ID do anuncio invalido ou não publicado.