Frequentar academias, cinemas, bares ou cultos religiosos representa risco alto de contaminação por Covid-19

Um estudo realizado por médicos da Associação de Medicina do Texas (EUA) e o Comitê de Doenças Infecciosas, classificou o risco de contaminação da COVID-19 para atividades comuns a diversas pessoas, que foram restringidas ou proibidas, para evitar a disseminação da doença, desde o início da pandemia. As atividades receberam avaliações de 0 a 10, onde são consideradas de risco baixo, baixo-moderado, risco moderado, moderado-alto e risco alto.

Você saberia dizer quais atividades colocam as pessoas em maior risco de contrair o coronavírus? Será que passar uma hora em um playground é mais seguro que fazer compras de supermercado? Ir a uma praia é mais tranquilo do que acampar? Ou sair para beber em um bar lhe daria uma proteção maior do que sentar na sala de espera de um médico?

De acordo com os pesquisadores, a classificação levou em consideração que os participantes estavam tomando todos os cuidados necessários para evitar o contágio. Veja o abaixo a classificação e os riscos por atividades:

Notícias Relacionadas

 

 

 

 

 

 

 

ID do anuncio invalido ou não publicado.