Rio de Janeiro,

terça-feira, setembro 28, 2021
spot_imgspot_img

Leia a nossa última edição #40

Itaipuaçu: Bairro Seguro pode ser ampliado para condomínio “Minha Casa, Minha Vida”

Mais lidas

Bem avaliado pelos moradores de Itaipuaçu, o programa Bairro Seguro pode ser expandido para o Condomínio Habitacional Carlos Marighella, o “Minha Casa, Minha Vida” de Itaipuaçu. Uma reunião na sede do 12º BPM – Niterói aconteceu nesta quarta-feira (30) entre representantes da Prefeitura de Maricá e da Polícia Militar.

Participaram do encontro o vice-prefeito de Maricá, Diego Zeidan; o secretário e subsecretário de Ordem Pública, Ten-Cel Julio Veras e Ten-Cel Rhonaltt Bueno (respectivamente); o comandante do 12º BPM, Cel. Sylvio Guerra; e o subcomandante da unidade, Ten-Cel Aristheu.

“O coronel se colocou disposto a ouvir nossa solicitação. Tivemos uma ótimo conversa sobre a situação da segurança de Maricá e sobre os impactos positivos que o bairro seguro já ta trazendo pra Itaipuaçu. Agora nós enviaremos um ofício com a solicitação pros condomínios e ele vai levar aos superiores dele pra avaliação”, disse Diego Zeidan.

A expectativa do município, no entanto, é a de que o pedido seja aceito. “Creio que, com a parceria que o Governo do Estado tem tido com Maricá, a solicitação será aceita”, comentou o vice-prefeito.

Ações do projeto Bairro Seguro no local já estavam previstas. Elas foram a pauta principal da reunião. Um planejamento já foi montado pela Prefeitura de Maricá e aguarda apenas um estudo entre o 12º BPM e o comando da Polícia Militar.

“O MCMV é a segunda etapa do nosso planejamento. O Bairro Seguro tem que amadurecer, as ações no condomínio tem que amadurecer e, uma vez ambos amadurecendo, os projetos seguindo, a tendencia é que o projeto se estenda. Está no nosso radar”, esclareceu Veras.

Vale lembrar que a Prefeitura de Maricá já vem planejando uma “ocupação” no local. a intensificação das atividades esportivas e culturais nos dois condomínios “Minha Casa, Minha Vida” após a pandemia do Covid-19. “Queremos ocupar o dia dos nossos jovens e dar oportunidades de vida para evitar a entrada do estado paralelo”, concluiu o vice-prefeito.

spot_img
spot_img

Últimas noticias