Rio de Janeiro,

sexta-feira, setembro 17, 2021
spot_imgspot_img

Leia a nossa última edição #40

Maricá, Niterói e SG não aplicaram doses de lote suspenso da CoronaVac

Mais lidas

As Prefeituras de Maricá, Niterói e São Gonçalo informaram que não aplicaram as doses recebidas do lote suspenso da CoronaVac. Outras duas cidades também receberam o imunizante não autorizado para uso.

De acordo com a Agência Nacional de Vigilância Sanitária, mais de 12 milhões de doses de CoronaVac passaram por processos de produção em uma fábrica na China que não foi inspecionada pela agência e, por isso, teriam o uso suspenso no Brasil. No estado do Rio de Janeiro, além de Maricá, Niterói e São Gonçalo, a capital e Itaguaí também receberam as doses.

Maricá informou que as doses não serão utilizadas até que sejam liberadas. Elas estão armazenadas no Núcleo Municipal de Imunização Dr. Heitor da Costa Matta, no Centro. Já Niterói disse que aguarda orientação da Anvisa. Enquanto isso, o material está separado.

A Secretaria Municipal de Saúde e Defesa Civil de São Gonçalo declarou que, apesar de ter recebido as remessas do lote no sábado, não distribuiu os imunizantes para os locais de vacinação. A cidade do Rio informou que 1.206 doses suspensas foram aplicadas. Por fim, Itaguaí não respondeu à reportagem.

A orientação é que as doses não sejam descartadas, já que a aplicação ainda pode ser autorizada.

Em nota, o Instituto Butantan disse que “não há motivo para pânico e/ou indicação de nova vacinação para àqueles que tomaram as doses suspensas”. O lote suspenso possui número 202108113H. Qualquer reação adversa deve ser comunicada à unidade que aplicou a dose. A informação está no cartão de vacinação entregue.

Vale lembrar que as cidades das regiões Norte, Noroeste e Baía da Ilha Grande iriam receber as doses de vacina neste domingo (05). Entretanto, como a Anvisa suspendeu a aplicação, os municípios não receberam os imunizantes, que ficarão armazenados na Coordenação Geral de Armazenagem (CGA).

spot_img
spot_img

Últimas noticias