Prefeito de Nilópolis morre vítima de complicações da Covid-19

Foi confirmada pela assessoria de comunicação da Prefeitura de Nilópolis a morte de Farid Abrão (PTB), prefeito da cidade. Ele estava internado em um hospital particular na cidade do Rio de Janeiro com Covid-19 desde o final de novembro.

Enquanto esteve internado, Farid estava sendo mantido sedado e respirava com ajuda de aparelhos. De acordo com o comunicado, o prefeito teve a morte cerebral confirmada nesta sexta-feira (11).

Ele tinha 76 anos e estava no terceiro mandato como prefeito da cidade – havia comandado a cidade entre 2001 e 2008, sendo novamente eleito em 2016. Ele foi, ainda, deputado estadual em por cinco mandatos.

Em nota, o Governador em Exercício Claudio Castro lamentou a morte de Farid. “Com profundo pesar, recebo a notícia do falecimento. (…) Durante anos trabalhou pelo município e se dedicou a melhorar a vida da população. Expresso também minha solidariedade aos familiares e amigos, assim como a todos aqueles que perderam entes queridos nesta pandemia”, diz o texto.

Farid Abrão passaria o bastão para o sobrinho Abraãozinho David (PL), que se elegeu para a prefeitura de Nilópolis no último pleito. Até 31/12, assumirá o comando da cidade a esposa e vice-prefeita Jane Louise Martins David.

Samba – Farid também tinha profundas ligações com o mundo do samba. Ele foi presidente da Beija-Flor de Nilópolis por 18 anos. A agremiação, em nota divulgada, informou que está de luto por conta da morte.

Notícias Relacionadas