Secretário de Direitos Humanos de Niterói participará de encontro de gestores da ONU

Foto: Rede Social

O secretário municipal de Direitos Humanos de Niterói, Raphael Costa, foi convidado para participar e discursar no 20º Encontro Mundial de Gestores Públicos, promovido pela Organização das Nações Unidas (ONU). No evento, que vai ocorrer entre os dias 19 e 21 de abril, o secretário será o único brasileiro a discursar.

Na carta-convite ao secretário, o presidente do Conselho Social e Econômico e Social (Ecosoc),  Frederick Musiiwa Makamure Shava, ONU cita os desafios da pandemia que ameaçam os direitos dos mais vulneráveis. Além disso, elogia a atuação do secretário, que implementou uma nova secretaria e desenvolveu políticas públicas inovadoras de promoção de direitos. A Secretaria de Direitos Humanos de Niterói foi criada no dia 2 de fevereiro e, em menos de 2 meses, promoveu iniciativas como, inauguração do Centro de Cidadania, o Comitê de Liberdade Religiosa, o Centro de Mediação de Conflitos, o Observatório de Igualdade Racial e o Núcleo de Atendimento de Migrantes e Refugiados.

O 20º encontro vai reunir gestores públicos do mundo todo para debater o papel dos governos no combate às violações de direitos durante a pandemia e decidir mecanismos de fortalecimento de políticas públicas, como fundos de financiamento e ações humanitárias das Nações Unidas.

“É uma grande oportunidade para revisar as políticas e prioridades da ONU e compartilhar as experiências exitosas que vem destacando Niterói no cenário global”, afirmou o secretário.

Mini-currículo – Raphael Costa tem 26 anos, é formado em Direito pela Universidade Federal Fluminense e, antes de ser convidado pelo prefeito Axel Grael para seu secretariado, teve experiência em organizações do Terceiro Setor como a Cáritas International e o Instituto Dom Orione, nas quais coordenou programas sociais com jovens, aldeias indígenas, assentamentos rurais, pessoas em situações de rua e programas educacionais em Moçambique, na África.

Notícias Relacionadas