Rio de Janeiro,

sábado, setembro 18, 2021
spot_imgspot_img

Leia a nossa última edição #40

Vereadores de Maricá cobram desburocratização dos serviços do SIM

Mais lidas

Na sessão ordinária desta segunda-feira (2), os vereadores de Maricá cobraram a desburocratização dos serviços prestados pelo Serviços Integrados Municipal (SIM), através da Secretaria de Fazenda do município.

O vereador Danilo Santos, membro da comissão de desenvolvimento econômico na Câmara de Maricá, afirmou que tem recebido muitas reclamações sobre a dificuldade em realizar serviços de legalização de empresas como alvará, viabilidade e outros documentos necessários para os empresários.

”O SIM foi criado para desburocratizar o trâmite processual interno e na prática isso não vem acontecendo. Com isso vamos perdendo no setor produtivo da cidade, os empresários deixam de investir na cidade com tanta dificuldades.” afirmou Danilo Santos.

Ainda segundo Danilo Santos, a situação dificulta o crescimento econômico da cidade e a geração de empregos. As melhorias no tempo-reposta dos serviços, de mais clareza na lista de quais documentos são necessários para cada situação, desburocratiza a entrega de alvarás, habite-se e todos os documentos para constituição de empresas, melhorando o desenvolvimento do município e o tornando mais independentemente economicamente dos royalties, segundo o parlamentar.

O presidente da Câmara, Aldair de Linda, também falou sobre o problema. Ele informou que já procurou o prefeito Fabiano Horta e também a Secretaria de Fazenda para agilizar os serviços prestados pelo SIM.

“Tenho sofrido com isso. O serviço não está funcionando. Tem construtor saindo do município, falindo e deixando de construir por causa da dificuldade de agilizar a situação dos imóveis” concluiu Aldair de Linda.

A Prefeitura de Maricá foi procurada pelo Errejota Notícias mas ainda não se posicionou sobre o assunto.

spot_img
spot_img

Últimas noticias