Zeidan presidirá Frente Parlamentar Brasil-Itália na Alerj

Foto: Divulgação / Alerj


Uma frente parlamentar que visa estreitar os laços entre o Brasil e a Itália foi lançada pela Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (Alerj) e terá como presidente a deputada Rosângela Zeidan (PT), que é de Maricá. O lançamento da frente aconteceu durante a solenidade de entrega da Medalha Tiradentes ao Cônsul Italiano, Paolo Miraglia del Giurdice.

A frente tem como objetivo fomentar o desenvolvimento econômico conjugando a cultura e tudo aquilo que o movimento italiano pode contribuir para o estado do Rio. No Brasil, mais de 30 milhões de habitantes são descendentes italianos, isso representa cerca de 15% da população do país.

“Nós pretendemos trazer cada vez mais a comunidade italiana para investir no estado do Rio, não apenas na capital, mas nos municípios do interior também, pois temos muito a explorar nos campos de produção dos setores de economia solidária, turismo, gastronomia e muito mais”, pontuou Zeidan.

Vice-presidente da Frente Parlamentar e chefe do Legislativo estadual, o deputado André Ceciliano destacou as parcerias já existentes entre Brasil e Itália. “Várias empresas italianas já estão instaladas no Rio de Janeiro e outras estão vindo. Um bom exemplo é o Porto de Maricá, que trouxe bons investimentos no setor de energia. Essa Frente é importante para estreitar os laços entre Brasil e Itália e trazer novos empreendedores para o estado”, comentou o presidente da Alerj.

“Estou honrado em receber essa condecoração, que é tão importante aqui no estado do Rio de Janeiro. Quero dedicá-la a toda comunidade italiana do Rio. A presença empresarial italiana é forte no Rio, são centenas de empreendimentos só aqui no estado, e essa Frente vai ajudar muito no fortalecimento das relações entre as duas nações”, pontuou o cônsul Paolo Miraglia.

A Frente Parlamentar terá como relator o deputado Jorge Felippe Neto (PSD) e contará como membros efetivos os seguintes parlamentares: Carlos Minc (PSB), Renato Cozzolino (PRP), Giovani Ratinho (PTC) e Coronel Salema (PSL).

Notícias Relacionadas